Após 50 tons de Cinza, a vida dos bombeiros com certeza não é mais a mesma. Desde o lançamento da trilogia de E.L. James, os chamados pelo Corpo de Bombeiros se intensificaram, e muito.

Tratam-se de situações bizarras nas quais, sejam os admiradores dos #Livros ou do filme, baseando-se no enredo da obra, decidem repetir as experiências sensuais vivenciadas no longa, adaptando-as para o seu cotidiano. Como não é de se admirar, alguns passam dos limites da ousadia e, na ânsia por uma experiência diferente, acabam literalmente presos às suas fantasias, sem a possibilidade de se libertarem.

Você está preso!

No Departamento de polícia de Londres em 2014, os bombeiros atenderam a nada menos que 472 incidentes envolvendo pessoas atadas ou presas em algum objeto, até mesmo em aparelhos eletrodomésticos. Desses casos, 293 eram de pessoas que tiveram partes do corpo entaladas em objetos cilíndricos, incluindo sete casos de homens que tiveram seus membros presos à algemas.

Nos últimos três anos, foram gastos só na Inglaterra £400.000 - cerca de um bilhão, setecentos e setenta reais - com ocorrências desse tipo.

Publicidade
Publicidade

Os bombeiros chegaram até a lançar a campanha 50 tons de vermelho, alertando com clareza sobre os perigos de se expor a situações de risco desse tipo, e pedindo para que as pessoas pensassem muito bem antes de se aventurarem e depois se verem em situações embaraçosas. Até campanha de esclarecimento foi iniciada, com orientações como, por exemplo, que se alguém fosse comprar algemas, mantivesse as chaves em um local próximo a elas, para evitar ter de chamar os bombeiros.

Casos Bizarros

Muitos foram os acidentes estranhos reportados por conta de 50 Tons de Cinza:

Um homem teve seu membro preso a uma torradeira, outro ficou aprisionado a um aspirador de pó. Houve também o caso de um rapaz que amarrou-se ao vaso sanitário, caiu atrás do mesmo e depois não conseguiu se desvencilhar, tendo ficado entalado.

Publicidade

No último dia 14, três mulheres alcoolizadas foram presas em uma sessão do filme em Glasgow, na Escócia. Elas estavam fazendo muito barulho nas cenas mais sensuais, e, tendo um homem pedido para que ficassem quietas, elas atacaram o indivíduo com pedaços de vidro de uma garrafa quebrada. A sessão teve que ser interrompida para que se mantivesse a ordem e se limpasse o chão salpicado do sangue da vítima. Felizmente os ferimentos foram leves e não houve necessidade de levar o homem a um hospital.

E você, vai se arriscar? #Famosos