Não basta ser um humorista há décadas no ar, ser um sucesso na literatura e um dos maiores nomes da #Televisão brasileira. Jô Soares, assim como vários outros artistas está sentindo o peso da 'tesoura' de suas empresas. A Rede Globo de televisão dessa vez decidiu poupar. Seguindo suas colegas na área, o canal está fazendo alterações em algumas atrações com um único objetivo: economizar.

O gordinho mais amado do Brasil viveu um 2014 difícil, ficou fora do programa por uma pneumonia, chegaram a noticiar sua morte e perdeu seu único filho no fatídico ano. O ano de 2015 já não começa tão bem. Depois de ficar três meses de férias, como faz todos os anos, quando a TV Globo troca seu talk show por seriados, Jô viu a verba e o tempo do seu programa diminuírem. 

A mídia especializada chegou a dizer que o 'Programa do Jô' seria semanal e que não teria plateia.

Publicidade
Publicidade

Apesar das drásticas mudanças, nada tão grave assim aconteceu. Jô Soares continuará indo de segunda a sexta ao ar depois do 'Jornal da Globo'. No entanto, terá seu tempo no ar reduzido em um terço. Até então, o programa tinha sempre três convidados por edição, agora, esse número reduziu para dois. O objetivo é poupar com passagens de avião e hotel.

Sexteto vira quarteto 

Quem também sofreu com a economia foi o 'sexteto'. O grupo musical que acompanha o apresentador desde a época do SBT quando ele apresentava o 'Jô Soares Onze e meia', agora será reduzido. No SBT, Jô trabalhou de 1988 a 1999. No ano 2000, a TV Globo anunciou o que chamou de grande contratação. No mesmo período, entraram no canal Ana Maria Braga, Serginho Groisman e Luciano Huck

Saem do então sexteto os músicos Tomati e Chiquinho.

Publicidade

Derico, Bira, Miltinho e Osmar continuam a receber seus salários da Globo e agora formam um quarteto. Nessa semana, Jô Soares voltou a gravar seu programa. Já no primeiro dia, o apresentador entrevistou oito convidados, garantindo a frente de quatro dias no ar. Ele comentou as mudanças com bom humor.

"Gente, sempre que for possível o Tomati e o Chiquinho irão fazer participações especiais, mas até a Globo tá mal, é a crise", disse em tom de piada o comediante. A plateia do talk show também diminuiu, assim como os estúdios. Agora, quem assiste ao programa fica bem mais perto do comunicador, o que segundo ele, era um sonho antigo.   #Entretenimento