A #Televisão, os palcos e as telonas perderam neste domingo, 22, um dos artistas com a carreira mais duradoura no Brasil. Internado desde o dia quatro em uma clínica do Rio de Janeiro, o ator Claudio Marzo não resistiu às complicações de um enfisema pulmonar. Estreante na telinha em 1965, pela extinta TV Tupi, Marzo deixa personagens marcantes em sua biografia profissional.

Na Rede Globo, o ator participou de diversas #Novelas, como: 'Irmãos Coragem', 'Andando nas Nuvens', 'Véu de noiva' e 'Carinhoso'. Na TV Manchete, esteve a frente de 'Kananga do Japão', uma história escrita pelo próprio dono da falida rede, Adolpho Bloch.

Publicidade
Publicidade

No canal, ainda viveria José Leôncio, também conhecido como Velho do Rio em 'Pantanal'. A história de Juma mexeu com os alicerces da TV e chegou a vencer diversas vezes a rede da família Marinho.

A família de Cláudio Marzo aguarda a volta de um filho do ator que está no exterior para começar o velório. Até o momento, não foram dadas informações sobre o enterro do artista. Desde o ano passado, Marzo começou a ter complicações na saúde, tendo sido internado pela primeira vez em setembro.

Casamento e início da carreira

Um verdadeiro galã, não era só das donas de casa que Cláudio Marzo conquistou corações. Ele teve uma vida movimentada fora das cenas. O artista foi casado com Betty Faria, Denise Dumont e Xuxa Lopes, todas atrizes. Com elas teve dois filhos, Alexandra e Diogo.

Com uma infância pobre, o menino paulista não imaginava que faria em sua vida mais de trinta novelas, sem contar minisséries e os mais de vinte filmes em sua cinebiografia.

Publicidade

Ele parou de estudar em busca do sonho de ser um astro de televisão. Aos 17 anos fez suas primeiras participações como figurante na TV Tupi.

Já em 1969, já na Globo, teve a oportunidade de interpretar um personagem de Janete Clair na telenovela 'Véu de Noiva'. Ele repetiria a parceria com a 'Namoradinhado Brasil', Regina Duarte, em 'Irmãos Coragem', um dos maiores sucessos de todos os tempos nas telinhas brasileiras. Seu último personagem na TV foi Lázaro Simões na novela 'Desejo Proibido', em 2007. #Entretenimento