Essa semana uma das #Novelas de maior sucesso na história da #Televisão brasileira completou 25 anos. Exibida pela extinta Rede Manchete de Televisão, 'Pantanal' foi uma pedra no sapato da TV Globo e alcançou ótima audiência na época de sua estreia (os anos 90). Neste domingo (29/03), o 'Domingo Show' levou ao ar uma reportagem de mais de 30 minutos em que mostrou como estão alguns atores do sucesso do canal de Adolpho Bloch. A matéria também exibiu imagens atuais da fazenda onde foram realizadas as gravações do folhetim.

Geraldo Luis mostrou a abertura que fazia o Brasil parar. A onça que virava uma mulher nua foi motivo de muita polêmica.

Publicidade
Publicidade

Cenas que entraram para a história da TV brasileira, protagonizadas por um elenco de peso como: Cristiane Oliveira, Cláudio Marzo e Marcos Winter. Oliveira fez Juma, a mocinha da história, uma mulher que se transformava em um animal. A equipe também voltou ao local onde foram feitas as cenas da história, no Mato Grosso do Sul.

'Pantanal' chegou a marcar médias de 40 pontos

A maior planície alagada do planeta foi cenário para 'Pantanal' e também para muitas outras publicações sobre a história da novela e da TV Manchete. O escritor Elmo Fracfort contou a saga da emissora no livro 'Aconteceu, virou história'. Ele lembra que o folhetim explorou o folclore e o misticismo da região centro oeste. O estilo diferente fez com que rapidamente a trama virasse um sucesso de audiência em horário nobre, ficando muitas vezes na liderança do Ibope com marcas de 40 pontos.

Publicidade

A trilha sonora de 'Pantanal' também foi fundamental para o sucesso da novela. O músico Marcos Viana foi um dos responsáveis por escolher as músicas que embalariam Juma (Cristiane Oliveira) e Juventino (Marcos Winter). "Eu no fundo sempre quis fazer algo desse tipo, em meu espírito eu sempre sonhei com um trabalho como esse", disse o artista.

Moradores do Mato Grosso do Sul lembram até hoje com carinho da história

Os moradores de Aquidauana, no Mato Grosso do Sul, lembram até hoje das gravações. O guia Luiz Henrique foi um dos que recebeu a equipe. O que ele não sabia é que o destino reservaria para ele um dos personagens da história, vivendo 'Ari' e participando como elenco de apoio do folhetim.

O cantor Sérgio Reis também relembrou como tudo começou. "O Benedito Ruy Barbosa estava muito cansado e eu convidei-o para ficar uns dias por aqui. Ele gostou tanto do ambiente que decidiu escrever uma história como nossa cultura", contou.

Atores relembram sucesso

Antônio Petrin lembrou que seu personagem era um homem muito mau. Ele deu vida ao vilão Tenório e acabou sofrendo apuros com os fãs de 'Pantanal' nas ruas. "No aeroporto de Campo Grande eu fui agredido por duas mulheres. Elas me encheram de tapas achando que eu também era mau", lembrou. #Famosos