Na edição do Jornal Hoje (JH), da Rede Globo, desta segunda-feira (30) a âncora Sandra Annenberg chorou ao reportar aos telespectadores a morte da jornalista Beatriz Thielmann, falecida neste domingo. Sandra não conseguiu segurar a emoção após ver um VT sobre a colega de profissão e se emocionou ao vivo. No mesmo bloco, o companheiro de bancada, Evaristo Costa anunciou a morte do repórter cinematográfico Luiz Quilião, aos 57 anos. Foi um início de semana bastante triste para os profissionais da área de comunicação.

O nome da apresentadora do JH está entre os assuntos mais comentados no Twitter e a imagem dela chorando já está sendo repercutida nas redes sociais.

Publicidade
Publicidade

O jornal, exibido no começo da tarde, já é conhecido pela maneira informal e constantemente vira assunto na internet. A maioria dos internautas apoia a demonstração de carinho e sensibilidade dela, porém alguns criticaram a postura dela como profissional.

"Sandra é uma das melhores profissionais da TV Globo. É competente e espontânea, eu amo esse jeito.", elogiou Carla Ferreira no microblog.

Sandra é conhecida por sua espontaneidade durante os anos que está no comando do JH. Em 2013, a jornalista também chorou ao ver uma reportagem sobre família de Belo Horizonte (MG) que lutava contra as drogas. O VT falava sobre o momento em que a filha encontrou a mãe, viciada em crack, pelas ruas da cidade. Em 2014, a apresentadora caiu na risada depois de deixar a caneta escapar de suas mãos no encerramento do telejornal.

Publicidade

Evaristo Costa também não desaponta o público quando o assunto é fazer graça, ele foi alvo de inúmeros 'memes' na rede quando em 2012 fez uma piada sobre mamão com sua parceira. Após a exibição de uma reportagem, ele perguntou à Sandra se ela gostava de mamão e ao receber uma resposta positiva, falou: "Toma uma mão aqui!". Os dois caíram na risada durante o telejornal e o vídeo, que virou hit, foi parar no canal YouTube.

Histórico do Jornal Hoje

O Jornal Hoje está no ar desde abril de 1971 e estreou no comando de Léo Batista e Luís Jatobá, entre os muitos jornalistas que passaram pela bancada do JH estão, William Bonner (Jornal Nacional) e Renata Vasconcellos (Fantástico).

Sandra Annenberg teve duas passagens pelo telejornal e está fixa como âncora desde 2003, enquanto Evaristo Costa assumiu a cadeira ao lado um ano depois. #Entretenimento #Famosos #Televisão