"É o amor, que mexe com minha cabeça e deixa assim". Esse é um dos versos mais populares da música que fez 'Zezé di Camargo & Luciano' despontarem para o sucesso. Mais de 20 anos após estourarem nas paradas, a influência dos músicos é muito grande, dentro e fora dos palcos. Nada mal também é você ter uma ajudinha de uma pessoa influente para subir na carreira, em especial, neste momento, quando de uma forma ou de outra as grandes empresas de comunicação estão poupando e fazendo muitos cortes na sua programação e de profissionais.

Preocupado com a crise que assola o Brasil, o cantor Zezé di Camargo não teve dúvidas sobre pedir uma ajudinha em prol do futuro da filha, a atriz Camila Camargo.

Publicidade
Publicidade

Ela que passou um tempo na Rede Record, agora está desempregada, mas isso não deve demorar muito tempo. O pai Zezé é muito amigo do humorista Tom Cavalcante. O comediante já trabalha em um novo projeto dentro de um canal a cabo da Rede Globo de #Televisão. Nos mesmos moldes no antigo 'Sai de Baixo', a atração tem nome provisório de '#partiushopping'.

Tom não negou o pedido do colega e disse que Camila Camargo com certeza fará parte do elenco assim que tudo for confirmado e o projeto deslanchar. O sertanejo agradeceu bastante e espera que o programa de humor estreie logo no 'Multishow'. Pelo menos sem salário, a filha dele não fica.

Contratação acontece em momento de grandes demissões

No entanto, a contratação de Camila acontece em um momento de grandes perdas na televisão. O próprio 'Grupo Globo' teve uma queda de 6% em seu faturamento, se comparado o ano de 2014 com o de 2013.

Publicidade

A TV Globo, uma das empresas das antigas 'Organizações Globo', também já faz sua economia.

Agora os contratos somente duram até quando as produções estiverem no ar. Dois integrantes do sexteto foram demitidos e o 'Programa do Jô' teve a diminuição de verbas em pelo menos um terço. O talk show que antes tinha três convidados por dia, agora terá apenas dois. A plateia também foi reduzida para economizar dinheiro com os lanches que são dados.

Band, Record e o SBT também fazem alterações na sua planilha de pagamento. A emissora de Silvio Santos reduziu o salário de alguns artistas pela metade. Já a Band cancelou vários programas e deve demitir até 200 funcionários. Outros 200 devem ficam sem seus empregos na Rede Record. #Entretenimento #Famosos