O funk 'Passinho do Romano' está causando grande polêmica na internet. Tudo porque, seu criador, MC Dadinho, colocou na #Música trechos do Alcorão gerando aborrecimento entre entidades muçulmanas no Brasil. O vídeo com a música do 'passinho' já obteve mais de 35 milhões de visualizações desde que foi lançado, mas Dadinho garante que não houve de sua parte a menor intenção de ofender a #Religião de ninguém.

O vídeo em questão está sendo pivô de uma ação judicial movida pela 'Sociedade Beneficente Muçulmana' (SBM), contra o cantor. Eles exigem que cinco clipes da música seja retirados do ar imediatamente. Como argumento, os líderes que representam a fé islâmica no Brasil julgam que é "um desrespeito fazer citações do Alcorão (livro sagrado para os muçulmanos) em músicas não pertencentes à religião".

Publicidade
Publicidade

Em entrevista ao jornal O Globo, o MC disse que não esperava toda essa polêmica e se mostra preocupado e assustado com tudo isso. Afirma ter recebido ameaças e palavras de ódio em sua página no Facebook por causa de seu 'funk'. "Eu nem imaginava que aquelas palavras acrescentadas à letra eram uma oração muçulmana, não quis ofender a religião deles", conclui.

Entenda toda a polêmica

No vídeo mais famoso do momento aparece o dançarino Fezinho Patatyy realizando movimentos no estilo 'passinho', ao mesmo tempo, ao fundo, se ouve vozes recitando trechos do Alcorão em árabe, intercalado com alguns versos criados pelo cantor. O funkeiro disse que a ideia de incluir a melodia originária do Oriente Médio veio do DJ DN, de Caxias, mas foi tudo na inocência. Segundo ele, jamais poderiam supor que ofenderiam a religião muçulmana.

Segundo parecer do relator do caso, Dácio Nicolau, não é possível retirar os vídeos da internet porque isso seria uma censura ao seu conteúdo.

Publicidade

'Tem que se ressaltar que são dois direitos igualmente importantes garantidos pelo Constituição Federal, 'Liberdade de Expressão e Liberdade de Religião'. Essa decisão derruba liminar que determinou a retirada dos links pelo Google Brasil no prazo de dois dias, caso contrário, pagariam multa diária de R$ 5 a 30 mil.

Sentindo-se amedrontado, o cantor afirmou que vai gravar outra versão de 'Passinho do Romano', retirando todas as citações árabes. Ele cancelou também dois shows fora do Rio de Janeiro. #Famosos