Há menos de um mês, o SBT conseguiu outro sucesso em pegadinhas. Eles utilizaram pessoas maquiadas como zumbis para "atacar" os passageiros do metrô da cidade de Fortaleza, no Ceará.

Dessa vez, o SBT queria montar um esquema para conseguir dar um grande susto nas pessoas. A partir daí, foi analisado qual tema mais assusta. O grupo responsável pelo quadro de pegadinhas optou pelo tema morte e fantasma. A pegadinha com a menina fantasma com um vestido branco segurando uma boneca e dando gritos de terror foi exibida na noite de domingo, 19 de abril. Por ter sido algo original e muito bem feito, a atração ganhou elogios e fãs nas redes sociais.

Publicidade
Publicidade

Contudo, a emissora foi muito criticada por quem não achou o quadro engraçado.

A pegadinha

Desta vez, o cenário escolhido para dar o susto nas pessoas foi novamente os vagões do metrô. Quando os passageiros entravam e começava a viagem, em uma determinada estação acontecia uma instabilidade no sistema de iluminação. Com tudo escuro e as portas trancadas, aparecia uma menina vestida para parecer um espírito ou uma pessoa morta.

Neste momento, como era esperado, as pessoas tomaram um grande susto e começaram a gritar de medo. Muitas pessoas acreditam em vida após a morte e outras creem que existem fantasmas. Além disso, no momento do susto, até as pessoas mais incrédulas sentem medo. Para finalizar, quando as luzes dos vagões e da estação foram acesas para prosseguir a viagem, a menina fantasma soltou um grito aterrorizante e some sem deixar vestígios.

Publicidade

A repercussão nas redes sociais foi grande e causou algumas discussões. Quem foi a favor da pegadinha elogiou a brincadeira dizendo ter sido uma das melhores. Já outros telespectadores não acharam graça e consideram a atração de péssimo gosto. Afinal, as pessoas que levaram o susto poderiam sofrer com um ataque cardíaco ou algum outro problema devido a grande emoção.

A pegadinha ganhou destaque em algumas emissoras de TV internacionais, será que realmente foi uma brincadeira engraçada? #Entretenimento #Televisão