Os bastidores do especial de 50 anos da Globo renderam mais que o programa. O jornalista Pedro Bial, que apresenta as edições anuais do Big Brother Brasil, e o narrador Galvão Bueno protagonizaram um selinho que, como sempre, a internet não perdoou. O selinho trocado foi ao ar na noite de sábado (25), na Globo News, pelo programa Globo News Documento.

No programa especial, o Jornal Nacional relembrou 50 anos de jornalismo e reuniu os 16 principais repórteres da emissora durante o meio século comemorado. A cena foi roubada de Gloria Maria, que discursava no Projac, quando a imagem foi cortada para Galvão e Bial. Depois do beijo, os dois se abraçaram e riram.

Publicidade
Publicidade

A ação inusitada foi comparada à cena protagonizada por Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg no primeiro capítulo da novela Babilônia, quando as duas se beijaram, surpreendendo o público.

50 anos da Globo

As Copas do Mundo vencidas pela Seleção Brasileira, a chegada do homem à lua, o impeachment de Fernando Collor, os títulos da Fórmula 1, as manifestações de junho de 2013 e outros fatos jornalísticos que marcaram história e, claro, tiveram cobertura da emissora, foram exibidos durante a semana pelo Jornal Nacional. Mas a emissora não se eximiu e relembrou também o erro cometido durante a cobertura das Diretas Já. Além disso, o Jornal Nacional deu destaque à morte de Ayrton Sena. A noite de sexta-feira (24) ganhou destaque por contar com a presença de Cid Moreira e Sérgio Chapelin na bancada do jornal de maior audiência no país.

Publicidade

O especial

Projeto de Willian Bonner, o especial contou com a participação de Glória Maria, Sandra Passarinho, Tino Marcos, Fátima Bernardes, Heraldo Pereira, Marcelo Canellas, Caco Barcellos, Ernesto Paglia, Chico José, André Luiz Azevedo, Renato Machado, Ilze Scamparini, Luís Fernando Silva Pinto e Orlando Moreira, além das ‘estrelas da noite’, Pedro Bial e Galvão Bueno.

Outros profissionais que passaram pela emissora, mas que trabalharam ou trabalham em emissoras concorrentes, também foram citados, a exemplo de Hermano Henning, Marcos Hummel e Luciano do Valle, morto em 2014. #Entretenimento #Famosos #Televisão