O Brasil vive um 2015 de grande crise econômica. Os meios de comunicação, assim como as empresas de outros setores, também sentem "na pele" o prejuízo que as más escolhas do governo acabam gerando na economia do país. Prova disso é que TVs, rádios, jornais e revistas já anunciaram cortes e demissões.

A TV Bandeirantes ficou sendo o mais famoso dos casos. Além de ser uma rede aberta de #Televisão conhecida em todo o Brasil, o canal de Johnny Saad fez muitas demissões e também a extinção de programas da sua grade de programação.

No entanto, até a Rede Globo de Televisão está tendo que se readequar aos novos tempos. Uma cena de 'Babilônia', por exemplo, será simplesmente copiada de outra novela.

Publicidade
Publicidade

Os autores decidiram não pedirem a produção para gravar uma nova cena de acidente de carro e o folhetim usará imagens de 'Insensato Coração'.

A nova vítima do mercado da audiência e da crise que assola o Brasil é a ESPN Brasil. A empresa de comunicação optou por acabar com sua emissora de rádio, a 'Rádio ESPN'. O projeto já funcionava há oito anos e tinha boa repercussão. A notícia sobre o fim do veículo foi destaque nos principais meios de comunicação que cobrem os bastidores da mídia, como o Portal Imprensa e o site Natelinha.

No processo de fechamento da rádio, três profissionais da parte técnica foram dispensados. A ESPN Brasil está realocando outros funcionários para a televisão. Dentre eles, estão jornalistas e produtores. No entanto, segundo o Portal Imprensa, novas baixas devem ser efetuadas ao longo das próximas semanas, já que a empresa não teria condição de absorver todo mundo.

Publicidade

Em comunicado enviado à imprensa, a ESPN Brasil diz que o fim da rádio se deve a uma nova estratégia do grupo e não fala em problemas econômicos. Segundo o texto da empresa de comunicação, haverá agora mais investimento nas plataformas digitais. A ESPN é do grupo Disney, o mesmo dono do parque e dos filmes infantis. O grupo disse por nota que a segmentação esportiva continuará a ser sua missão no Brasil. #Entretenimento #Famosos