Christina Rocha está no comando do programa Casos de Família há mais de seis anos e vive defendendo seu talk show da acusação de armação. Ela já negou ser barraqueira, mas sempre que alguém da imprensa coloca em dúvida a veracidade das brigas que acontecem no palco, Christina fica enfurecida. Em entrevista ao Notícias da TV, ela declarou que os jornalistas não conseguem enxergar nada de positivo, mas quando a Globo coloca mulheres suminuas ninguém fala nada, todos acham lindo. Segundo ele, o Casos de Família é alvo de tantas críticas por ser um programa popular.

De acordo com a apresentadora, a maioria dos convidados de seu programa são moradores da favela e todos assinam documentos negando já ter participado de outras atrações de #Televisão.

Publicidade
Publicidade

Apesar disso, vários figurantes já apareceram em programas diferentes no mesmo dia contando histórias distintas. Em janeiro, uma mulher participou de um barraco no Casos de Família no mesmo dia em que estava na atração do Você na TV, da emissora RedeTV!.

Christina alega que são casos isolados que aconteceram três ou quatro vezes desde que o programa começou. São pessoas de má fé que querem ganhar o cachê, porém todos os casos são verdadeiros e não tem nada de armado.

Independente de armação, o formato do programa dá muito certo. Em março de 2014 o Casos de Família voltou a ser diário e desde então conseguiu crescer no Ibope da Grande São Paulo em 66%. O programa briga por audiência com o quadro Patrulha do Consumidor, da Rercord. Christina não perdeu em audiência nenhuma vez no último mês.

Publicidade

Segundo ela, se dependesse de avaliação positiva da imprensa certamente o programa não estaria mais no ar, mas ganhar da Record garante a atração no SBT.

A primeira versão do programa teve inicio em 2004 e era apresentado por Regina Volpato. Até então a atração não tinha barraco e os assuntos eram mais conversados, prezando sempre pelo respeito. Cinco anos depois, Silvio Santos resolveu mexer no formato deixando mais parecidos com os telebarracos que são muito populares nos Estados Unidos. #Entretenimento #Famosos