Os autores de novela de outros canais também estão dando seus palpites sobre o andamento do drama das nove da Rede Globo de Televisão, Babilônia. Um deles é Lauro César Muniz, seu último trabalho foi em 2013 no folhetim Máscaras. Aos setenta e sete anos, Muniz decidiu que não voltará mais a escrever nenhum drama, mesmo que não mude de ideia, ele ficou marcado por novelões, o mais famoso deles foi O Salvador da Pátria, um dos maiores sucessos da Globo.

Em entrevista ao jornalista Paulo Pacheco do site Notícias da TV, Lauro César Muniz deu sua opinião sobre a má fase que vive Babilônia. De acordo com o autor, um dos grandes problemas da novela é ter autores demais.

Publicidade
Publicidade

"Isso acaba abafando a criatividade da novela. Um monte de gente acaba diminuindo o ímpeto do autor principal", disse Muniz. Babilônia é escrita a seis mãos, formadas pelos autores Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga. Se já não bastasse o trio, Silvio de Abreu foi chamado para supervisionar a história.

Lauro César Muniz lembra que esse processo começou ainda na década de noventa para tentar acelerar as histórias e que seria culpa da industrialização do mundo moderno, que também afeta a dramaturgia televisiva. O autor que teve seu último trabalho na Record diz ainda que as novelas modernas precisam ser mais curtas, já que a vida hoje é mais acelerada: "Não dá para esperar que o telespectador que quer tudo na hora, fique dois anos vendo um folhetim".

Autor acredita que fórmula para o sucesso seja novela mais curta

A tática de estender novelas que dão certo é vista hoje no SBT, que exibe a novelinha Chiquititas, já está há quase dois anos no ar.

Publicidade

A história já foi tão esticada que virou uma Malhação do canal de Silvio Santos. Para Lauro César Muniz, as emissoras lucrariam mais com novelas mais curtas, já que essas teriam menos personagens e consequentemente menos atores se cenários. De acordo com o autor, o tamanho ideal seriam cento e cinquenta capítulos. Essa fórmula está sendo utilizada pela Record, que está no ar com o drama bíblico Os Dez Mandamentos. #Entretenimento #Famosos #Televisão