Não foi fácil a noite de domingo (17) para Harry Styles, da One Direction, ou para Rita Ora. Ambos os cantores evitaram o casal sensação do momento e passaram a noite fugindo dos ex-namorados. Harry tentou evitar ao máximo a vencedora da noite, Taylor Swift, e Rita Ora fez o mesmo com Calvin Harris.

Harry Styles, com o rol de famosas com quem namorou, deve sentir dificuldades em qualquer festa ou evento de #Famosos que vá. No Billboard Music Awards, em Las Vegas, o britânico esteve com seus amigos da One Direction, e não gostou de ver sua ex-namorada Taylor Swift toda apaixonada com Calvin Harris.

Foi a primeira saída em público da loira de 'Blank Space' com o DJ Calvin Harris, logo em uma noite que Taylor dominou, ganhando oito prêmios.

Publicidade
Publicidade

Estava linda a loira americana, em um macacão branco muito decotado, e abraçou muito o novo namorado.

Taylor namorou com Harry Styles, em 2013, por quatro meses, e ficaram amigos, mas Calvin Harris não gosta desse relacionamento e ambos se evitam.

Mais tarde naquela noite, Taylor Swift organizou uma 'after-party' e a One Direction compareceu. Bem, três dos meninos, porque Harry não foi à festa da ex. O cantor voou de volta para Los Angeles, fugindo de polêmicas com o novo casal.

A cantora Rita Ora também só chamou a atenção no tapete vermelho. E como não. A loira ousou no traje, deixando muito pouco para a imaginação. Rita vestiu branco mas escondeu muito pouco do corpo. Em um vestido longo, mas com fenda quase até ao quadril, e com recorte na parte superior.

Após o tapete vermelho, Rita Ora caiu no anonimato.

Publicidade

Ex-namorada de Calvin Harris, a cantora britânica de 24 anos, ficou evitando o novo casal. "A Rita ficou nos bastidores toda a noite, evitando Calvin e Taylor. O romance é uma grande notícia e ela queria evitar um encontro estranho ou sendo flagrada a reagir. A Taylor ficou introduzindo o Calvin para todos os amigos, pelo verdadeiro nome - Adam - e contando como eles estão felizes juntos", contou uma fonte presente no evento, ao jornal 'Mirror'. #Música