Em um anúncio que pode chocar os fãs, a produção da série televisiva afirmou que Bart Simpson será morto na nova temporada de Os Simpsons.


Após mais de 25 anos de perseguições, o vilão Sideshow Bob, antigo assistente do Palhaço Krusty, finalmente conseguirá realizar seu maior objetivo: exterminar o filho de Homer. 


Esta grande rivalidade começou em 1900, na primeira aparição do personagem secundário, no episódio "Krusty Gets Busted", o décimo-segundo capítulo da primeira temporada do seriado. Na história, o famoso palhaço é condenado por supostamente ter roubado o Kwik-E-Mart, loja de conveniência comandada pelo indiano Apu. 


Inconformado com a acusação sobre seu ídolo, Bart resolve investigar o caso e descobre que tudo não passa de uma trama arquitetada por Sideshow Bob, amargurado após se desentender com Krusty. No final do episódio, o vilão é preso e promete se vingar do menino. Assim, ao longo de toda a série, esta rivalidade foi explorada.


A notícia da morte de Bart Simpson foi revelada pelo executivo Al Jean, em painel da série durante uma convenção realizada no Texas, nos EUA. Comparando a dinâmica dos personagens com a interiga entre Coiote e Papa-Léguas na série Looney Tunes, Jean disse que, após finalmente conseguir seu objetivo, o vilão não saberá o que fazer de sua vida.


Mas os fãs não precisam entrar em desespero: o trágico destino de Bart será uma das histórias integrantes do 26º episódio anual de Halloween, parte da série de episódios conhecida como "Simpsons Treehouse of Horror", ou "A casa da árvore do horror" no Brasil. Na já tradicional celebração exibida em homagem ao Dia das Bruxas, os personagens da animação vivem situações mais sombrias, violentas e bizarras, sem tais cenas exerçam influência sobre a cronologia regular.


Ou seja: Bart Simpson será morto, mas apenas neste episódio especial e comemorativo, permanecendo vivo normalmente em todos os outros capítulos da série de televisão. Então, nada de pânico: no final, tudo não passa de uma grande brincadeira da equipe de produção.
#Televisão #Seriados #Mídia