A apresentadora Maria da Graça Xuxa Meneghel, atualmente contratada do canal do bispo da Igreja Universal do Reino de Deus, Edir Macedo, a TV Record, perdeu uma ação contra o gigante das pesquisas da internet, o Google. De acordo com informações do TV Foco em reportagem publicada nesta quarta-feira, 16, o Supremo Tribunal Federal, STF, decidiu manter uma decisão do passado, permitindo que o Google continue exibindo todos os vídeos, imagens e textos referentes à apresentadora. A eterna "rainha dos baixinhos" travava uma batalha para que o site retirasse imagens suas nua das linhas de pesquisa. As fotos de Xuxa sem roupa e em ensaios para revistas como a Playboy, estão entre os itens mais pesquisados sobre a comunicadora. 

Xuxa quis proibir filme e fotos da Playboy

Quando ainda não era muito famosa a apresentadora ainda fez um filme polêmico, 'Amor, Estranho Amor'.

Publicidade
Publicidade

No longa, Xuxa aparece fazendo insinuando sexo com um garoto menor de idade. Nesse mesmo período, ela posou como veio ao mundo para uma famosa revista.

Xuxa já tinha perdido em primeira instância, mas os advogados da loira não conseguiram reverter a situação. De acordo com os ministros do Supremo Tribunal Federal, a apelação não era apropriada para a alteração. O processo já seguia na justiça desde 2010. A mãe de Sasha tinha o desejo de impedir que a pesquisa "Xuxa Pedófila" fosse encontrada pelos internautas. A comunicadora, que quando entrou com o processo ainda estava na Rede Globo de #Televisão, ainda tinha objetivo que o seu nome não fosse aliado à práticas criminosas.

No entanto, algumas imagens da apresentadora sem trajes nenhum chegaram a ser barradas pela justiça em 2010. Na época, as fotos proibidas foram apenas as reclamadas pela comunicadora.

Publicidade

Caso as exiba, o Google pagará R$ 20 mil por cada imagem divulgada. O provedor recorreu da decisão e o STF deu ganho de caso, dizendo que de fato provedores de pesquisas não conseguem ter esse tipo de controle, especialmente quanto ao assunto que os internautas irão pesquisar.  #Entretenimento #Famosos