Se o astro de Hollywood, Paul Walker estivesse vivo, estaria completando quarenta e dois anos nesse sábado, 12 de setembro. Meadow Walker, filha única de Paul, usou as redes sociais para anunciar a criação da Paul Walker Foundation em homenagem ao seu pai. Também destacou o caráter bondoso de Walker ao se envolver com causas humanitárias.

Meadow falou sobre a paixão do pai pela natureza, pelos animais, por ajudar e pelo oceano. O ator era formado em Biologia Marinha e usava as horas vagas para mergulhar e alimentar tubarões no mar da Califórnia, cidade onde vivia e onde também veio a óbito após um trágico e misterioso acidente em novembro de 2013.

Publicidade
Publicidade

Assim como o pai, Meadow é muito ligada a natureza e gosta dos animais. Mas não curte ser o centro das atenções. A adolescente de dezesseis anos gosta de viver longe das câmeras e raramente posta alguma foto nas redes sociais. É mais comum ver sua imagem publicada no perfil de sua melhor amiga, Kendall, do que em seus respectivos perfis.

Após uma disputa judicial, determinou-se que Meadow era a única herdeira do ator, uma vez que ele não teve outros filhos, nem era casado. No natal e no dia dos pais, Meadow costuma publicar fotos com homenagens a Paul Walker.

O acidente

Paul Walker havia realizado um evento beneficente para angariar fundos e ajudar vítimas de um terremoto.

Publicidade

Um amigo havia reclamado que seu carro estava com problemas para estacionar e os dois saíram para dar uma volta e tentar descobrir o que estava acontecendo com o Porsche GT Carrera. Cerca de dez minutos depois, o veículo colidiu e surpreendentemente explodiu, levando-os a morte em pouco minutos.

O resultado do exame de autópsia dos restos mortais de Paul e de Rodas, bem como de uma perícia nos restos do carro, constatou que o motorista, Rodas, faleceu na hora e Paul morreu em decorrência do fogo, mas que dificilmente sobreviveria se tivesse saído do carro.

Velozes e Furiosos

Paul era um dos protagonistas da trilogia de ação, Velozes e Furiosos. Na pele do ex-policial Brian O´Conner, Paul realizava a gravação das últimas cenas do Fast 7, que estreou esse ano nos cinemas mundiais. No dia do acidente, era final de semana de Ação de Graças, de forma que o elenco estava de folga, retornando na semana seguinte para finalizar o filme. Com a morte precoce do astro, as gravações foram paralisadas e o enredo da história precisou ser alterado a fim de obter um desfecho digno para o personagem Brian. #Entretenimento #Famosos #Família