O rei Ramsés já está perdendo a cabeça com a teimosia de Moisés e vai colocar a espada em seu pescoço, ameaçando matá-lo. E os animais continuam morrendo para desespero de todo o Egito. Determinado, Ramsés diz que nem Moisés, nem ninguém, irá impedir o seu cortejo, até que ele é avisado que o touro sagrado também morreu, para desespero do rei, que fica furioso e cancela toda a cerimônia que já estava pronta para começar.

É decretado luto para o Egito pela morte do touro sagrado. Yunet ficará furiosa quando descobrir que o cortejo teve que ser cancelado e mais ainda quando ficar sabendo que Hur está pronto para ir embora do palácio. Simut vai pegar o cajado que pertence a Moisés e entregá-lo a Hur, com um pedido de que aquele objeto seja devolvido ao seu verdadeiro dono.

Publicidade
Publicidade

Na partida de Hur, Chibale, Leila e Gahiji ficarão emocionadas.

Enquanto isso, Henutmire, que está na prisão, corre grande risco de morrer, pois Bakenmut proibiu os guardas de lhe darem alimento para que ela morra de forme. Judite vai avisar Ana, Jairo e outros que por toda a cidade há animais mortos e Arão afirmará que o rei está descobrindo de uma forma muito dolorosa que nenhum de seus deuses será capaz de proteger o Egito.

Moisés vai contar para seu povo como é a tradição do povo egípcio quanto à veneração dos animais que são considerados deuses. De posse do cajado de Moisés, Hur caminhará para bem distante do palácio e ao chegar à vila ele encontra com Bezalel e depois é apresentado a Deborah. O rei Ramsés vai ser informado que nenhum animal morreu na vila dos hebreus e ficará muito furioso.

Publicidade

Amenhotep vai conversar com Paser sobre a calamidade que está se instalando no Egito.

Hur finalmente entregará a Moisés o seu cajado, mas vai comunicá-lo que Henutmire está presa no palácio e Moisés vai decidir ir até lá conversar novamente com o rei. A princesa, porém, não irá morrer de fome porque Gahiji vai conseguir ajuda de um oficial para ir até a cela e levar alguns alimentos para a irmã de Ramsés.

Moisés vai ao palácio e, enquanto está se aproximando, é observado de longe pelo rei. O hebreu então chega aos portões e diz aos oficiais que ele deseja entrar no palácio para conversar com o rei. O faraó então vai aparecer no portão e mandar que ele suma dali de uma vez por todas, mas Moisés é insistente, como sempre, e diz para o faraó libertar Henutmire.

Furioso ao receber uma ordem do hebreu, o rei vai apertar o pescoço do libertador dos hebreus e com uma espada, vai ameaçá-lo de morte. Este será um dos momentos mais tensos da novela. #Televisão #Novelas #Blasting News Brasil