#Roberto Carlos estava se preparando para o show em Dourados, mas foi avisado que o evento será cancelado já que a 10ª Promotoria de Justiça precisou emitir uma liminar pedindo o cancelamento da apresentação do Rei, alegando falta de segurança.

O cantor iria se apresentar no Ginásio Municipal Ulisses Guimarães, às 21 horas desta quarta-feira (30) e milhares de pessoas prometiam ir ao local, inclusive aquelas que não conseguiram ingresso mas tinham esperança de poder comprar de alguém na porta do ginásio ou ao menos poder acenar para o Rei.

A Promotoria de Justiça apresentou 7 motivos para que o show seja cancelado, através do promotor Eteócles Brito que entre os muitos motivos citou a falta de segurança do local e alegou também que a documentação exigida para a realização de um evento deste porte não foi apresentada.

Publicidade
Publicidade

Até o problema na acústica do ginásio foi usado para impedir a realização do mega evento.

Foi realizada uma investigação pelo Ministério Público Estadual para verificar se o evento poderia ou não ser realizado e de fato, vários problemas graves foram constatados. O local precisa passar por várias melhorias antes de receber um show com um público tão grande, é necessário que se faça também uma adequação do Ginásio para que sirva também como local para eventos deste porte, os projetos arquitetônicos não estão de acordo com a realidade do lugar e até a questão que envolve os Bombeiros precisa ser reavaliada para que se garanta a segurança do público e de todos os envolvidos na realização do show.

A "Santo Show Eventos" informou que quase toda a equipe de Roberto Carlos já encontra-se no município e alega que se o show for cancelado poderá acontecer até uma catástrofe, já que o público ficaria bastante revoltado.

Publicidade

O show vem sendo bastante aguardado e os fãs contam as horas para finalmente verem o Rei ao vivo.

Mas a empresa responsável pelo evento admitiu que há várias itens que deveriam ter sido analisados e que não foram, o que realmente é um problema, porém, a prefeitura é que estava responsável por esta parte, já que o órgão é proprietário e responsável pelo ginásio.

Aos fãs, principalmente os que garantiram seu ingresso, resta aguardarem a decisão da justiça para saberem se poderão ver o Rei Roberto Carlos ao vivo ou se o evento realmente será adiado. #Famosos #Música