Sam Sarpong tinha 40 anos e se matou ao pular de uma ponte nos subúrbios de Los Angeles, informaram as autoridades nesta quinta-feira (29). Sam era ator e trabalhava como apresentador no programa "Yo Momma" da emissora MTV. Além disso, Sam atuou nas séries "Bones" e "24 Horas" e no momento gravava "American Crime Story", uma série com Selma Blair e Connie Britton sobre os crimes mais #Famosos da história.

Ainda não se sabe os motivos que levaram Sam a tomar essa atitude desesperada. Assim que ficaram sabendo que o ator estava em cima da ponte ameaçando se jogar, familiares foram para o local e tentaram de todas as formas convencê-lo a descer.

Publicidade
Publicidade

A equipe de emergência trabalhou incansavelmente no caso por 7 horas seguidas e quando parecia que as coisas estavam se acalmando e caminhando para o fim, ele se jogou. Sam ainda chegou a ser socorrido pela equipe médica e levado para o hospital, mas com traumatismo craniano e hemorragia interna ele não sobreviveu.

Através de carta aberta à imprensa e no programa que Sam apresentava a MTV enviou a suas condolências a família. “Lamentamos profundamente a morte do nosso querido Sam Sarpong, ele era um cara incrível, dono de uma alma linda, pessoa de sorriso fácil, sempre generoso e solidário com todos os seus colegas de #Trabalho, sem dúvida, essa é uma perda irreparável, a MTV está de luto juntamente com a família de Sam e todos os que o admiravam”.

Relembre outros trabalhos profissionais de Sam.

Publicidade

 Sam era um Inglês-americano ator, modelo e músico. Ele atuou em mais de sessenta filmes, e cinquenta e cinco programas de #Televisão, entre eles estão os filmes, Carmen The Hip Hopera, Amor Não custa nada, Keeping Up com os Steins, âncora do bebê e não há Armas, nesse último ele ganhou o prêmio de melhor ator no San Diego Film Festival. Ele também foi o anfitrião na MTV 's Yo Momma, por três temporadas consecutivas. E foi ainda, um dos primeiros modelos masculinos negros a desfilar para a grife do designer Tommy Hilfiger e foi o rosto da marca por mais de seis anos.