Muito se comentou sobre uma possível saída de Augusto Liberato da TV Record, com o loiro migrando para o seu antigo canal, a emissora de Silvio Santos, o SBT. No entanto, Gugu vai mesmo ficar na rede de TV de Edir Macedo até pelo menos o ano que vem inteiro. Isso porque ele conversou com a Record nos últimos dias. Os dois conseguiram se entender em relação às pendências que envolviam o programa do loiro. Augusto Liberato terá em 2016 apenas um programa por semana, às quartas-feiras. Em compensação, a sua produtora, a GGP, ganhará a produção de outra atração da casa.

De acordo com informações do jornalista Flávio Ricco, Gugu também será responsável pelo 'Domingo Show', programa exibido no fim das manhãs e início das tardes de domingo.

Publicidade
Publicidade

A atração é apresentada por Geraldo Luís e é considerada um sucesso de audiência, por vezes até, vencendo a Rede Globo de Televisão no momento em que o canal apresenta o 'Esquenta', de Regina Casé. 

Com isso, a TV Record une o útil ao agradável. Isso porque a emissora da Barra Funda quer terceirizar toda a sua produção, das novelas ao jornalismo. Todos os setores serão afetados de alguma forma sobre esse novo jeito do canal gerir sua programação. O contrato entre Augusto Liberato e o canal de Edir Macedo foi assinado na noite de sexta-feira, 23, horas antes do loiro se apresentar no palco do 'Teleton', maratona beneficente exibida pelo #SBT para arrecadar fundos para Associação de Assistência à Criança com Deficiência. 

SBT e Gugu também tem conversa de "velhos amigos"

No sábado, 24, Gugu ainda teve conversas com a alta cúpula da emissora de Silvio Santos.

Publicidade

A conversa aconteceu minutos antes dele se apresentar ao lado de seu rival pela audiência, o apresentador Ratinho. Fernando Pelégio, diretor artístico do SBT, falou, dentre outras coisas, sobre a crise que passa o Brasil e também sobre o atual momento da televisão brasileira.

Já neste domingo, 25, Augusto Liberato retornou às férias, desembarcando em Orlando, nos Estados Unidos. Quem pode pode, né?  #Famosos #Rede Record