Rostinhos bonitos, corpos sarados. Profissionais com ares de modelo tem recebido um grande apoio nas afiliadas e também nas matrizes da Rede Globo de Televisão. E isso tem causado uma ciumeira sem precedentes. O mais novo que está dando dor de cabeça nos "medalhões" é Marcelo Cosme, que ganhou destaque nacional ao cobrir a chegada de Henrique Pizzolato, um dos criminosos mais polêmicos da legislação brasileira. Profissionais que batem ponto todo dia e há anos na Globo de Brasília não gostaram da oportunidade tão boa para quem "está começando". A ciumeira foi confirmada nesta quinta-feira, 29, pelo jornalista Daniel Castro do Notícias da TV. 

Marcelo entrou ao vivo nos telejornais locais e também apareceu em matérias da #Rede Globo.

Publicidade
Publicidade

Cosme é mais conhecido do público pelo seu trabalho na GloboNews, canal noticioso do Grupo Globo na TV paga e ganhou a chance de trabalhar na Globo de Brasília há poucos meses. Para os "medalhões", ele virou uma espécie de "repórter gato" local, rapazes jovens, com corpo em dia e até rostos bonitos que fazem a alegria das donas de casa. Em São Paulo, esse posto já foi dado a Phelipe Siani, mas nenhum dos dois supera Danilo Vieira, que já até fez matérias malhando. Ele também faz o visual estiloso, como quem modelasse na telinha do Rio de Janeiro.

Os "medalhões" não gostam de ver profissionais musculosos e de barba no vídeo. Aliás, os três representantes de "repórter gato" da Globo usam os pelos na cara. O desconforto alheio é tão grande, que a boataria ganhou os corredores da Globo Distrito Federal e Cosme tem sido chamado de "protegido", já entrando no ar em telejornais como o 'Jornal Nacional', considerado a cereja do bolo para quem trabalha por lá. 

O novo repórter gato do dia tem recebido comentários maldosos.

Publicidade

Alguns colegas dizem até que ele não consegue falar algumas palavras, como Jacarepaguá e expressões, como "corpo de delito", a qual ele esquece da preposição na hora de mandar um texto ao vivo para o 'Bom Dia Brasil'. Tudo intriga da oposição. #Famosos #Televisão