O programa dominical de humor improvisado da TV Globo “Tomara que Caia” deixa a grade de programação global sem esperanças de retornar no próximo ano para uma segunda temporada.

O humorístico está no ar desde 19 de julho, mas a audiência não tem sido o que a Globo esperava. O programa ganhou a alcunha popular nas redes sociais de “Tomara que Saia”, além de “Tomara que Acabe”. Segundo a crítica, a atração dominical, que visava dar um “up” na audiência da emissora no horário pós-fantástico, oferece um humor forçado com atores que não tem o carisma necessário para fazer o público rir.

Do elenco, somente Heloísa Perissé e Fabiana Karla são conhecidas de programas de humor na emissora.

Publicidade
Publicidade

A maioria dos demais participantes do elenco, são atores já carimbados de produções diversas, mas não de humor, como Priscila Fantin, Marcelo Serrado e Eri Johnson.

Quando foi anunciado, o programa prometia ser uma explosão de audiência, pois sua fórmula se resumia em uma narração dramatizada pelos atores da trama através do improvisso. A audiência desde a primeira exibição deixou a desejar e não conseguiu ultrapassar os 10 pontos. Chegaram a chamar a apresentadora do Vídeo Show Monica Iozzi para salvar o programa e, de fato, a crítica foi positiva, mas só quanto a participação de Monica e não quanto ao programa.

Na verdade, a participação de Monica fez com que o programa ficasse entre assuntos mais comentados do Twitter. A humorista, atriz e apresentadora fez uma cena de cerca de dois minutos, interpretando uma vizinha bêbada e barraqueira.

Publicidade

Arrancou risos do público e dos colegas ao esquecer sua fala e pedir ajuda da produtora, também falou do Chaves e da Xuxa e ainda fez propaganda do Vídeo Show.

De acordo com as críticas nas redes sociais, Iozzi era o que faltava no humorístico: o humor. Antes do último episódio ir ao ar, parte do elenco deixou o programa, sendo eles: Fabiana Karla, Daniele Valente, Priscila Fantin e Nando Cunha.

Um ano para esquecer

Além do fracasso de “Tomara que Caia”, a emissora carioca amarga outras derrotas em suas atrações. A próxima atração a sair do ar por não agradar ao público e nunca ter ganhado dos desenhos animados do SBT é o programa “É de Casa”, que é apresentado nas manhãs de sábado há dois meses.

"Babilônia", que foi considerada a pior novela já produzida no Brasil, ganhou uma sucessora de peso no quesito de baixa popularidade: “A Regra do Jogo”, que tem feito menos audiência que a antecessora e chegou a ser ameaçada, inclusive, pela novela infantil do SBT, “Cúmplices de um Resgate”, na semana de estreia. Atualmente, tem colecionado derrotas para a produção “Os Dez Mandamentos” da TV Record.

E você? Acha justo que o programa saia do ar por não ter humor ou acredita que o elenco merecia outra chance?

Deixe sua opinião nos comentários. #Famosos #Televisão #Blasting News Brasil