A única emissora brasileira que possuí uma grande faixa destinada a #Novelas internacionais é o SBT. O canal da família Abravanel dedica sua faixa vespertina às famosas tramas mexicanas e por existir esse monopólio da Televisa no Brasil é difícil ver folhetins de outras partes da América Latina. São poucas as novelas colombianas que já foram exibidas por aqui. Há quem se lembre de 'Café com aroma de Mulher' e 'Beth, a feia', sendo que as duas são dos anos 90. Será que desde lá a Colômbia não produziu mais nada? Sim, ela produziu e muito, e muitas de suas novelas foram adaptadas pela gigante mexicana Televisa.

A lista das produções é grande.

Publicidade
Publicidade

Abaixo estão apenas as que tiveram um repercussão grande, tanto em seu mercado nacional quanto em seu mercado internacional.

1 – 'Hasta que la plata nos separe' – Novela de 2006 escrita pelo famoso autor colombiano Fernando Gaitán. Como fez em 'Beth, a feia', o autor fez do quesito humor seu principal ingrediente e, antes de tudo, o folhetim foi pensado para fazer o público relaxar com situações inusitadas e engraçadas. Os vários núcleos cômicos da novela fizeram a trama ser equilibrada e deixar um gostinho de quero mais no final. Para quem quiser assistir a trama terá que optar pela Netflix, onde a novela está completa e legendada em português. O folhetim de Gaitán foi adaptado pela Televisa em 2010 e ganhou o título de 'Hasta que el dinero nos separe'. Porém a versão mexicana não chegou aos pés da original.

Publicidade

2 – 'La Hija del Mariachi' – Dizem que essa foi a melhor novela do ator mexicano Mark Tacher e que ele nunca vai conseguir superar o papel de El Mexicano. Essa trama foi muito bem executada e mesmo com seu baixo orçamento conseguiu superar as expectativas. A ideia de fazer uma novela musical funcionou e agradou o público, com as canções sendo um charme à parte da novela.

Uma cultura diferente apresentada para o público brasileiro seria uma ótima maneira de expandir os horizontes, porém essa trama, da já falecida autora Mónica Agudelo, foi totalmente ignorada pelo mercado brasileiro. A novela colombiana ganhou uma versão mexicana intitulada 'Que Bonito Amor', que também não conseguiu se igualar à original.

3 – 'Pasión de Gavilanes' – Essa até ganhou uma chance por aqui e foi exibida no Brasil com o título brega de 'Paixões Ardentes', porém a Rede TV decidiu encerrar a exibição na metade da novela alegando que a trama não estava conseguindo chegar a 1 ponto. A novela foi um super sucesso internacional e novamente a Televisa adaptou o folhetim com o nome de 'Fuego em la Sangre'. A Telemundo também acabou fazendo um remake da novela colombiana que se chamou 'Tierra de Reyes'. #Entretenimento #Televisão