'Teresa' é segundo remake de uma novela do mesmo nome, originalmente exibida em 1959. Atrama traz como protagonista uma ainda menina ambiciosa, que, após ser humilhada, volta com sede de vingança. A Televisa acertou em cheio ao transformar sua protagonista em vítima e, ao mesmo tempo, em vilã, por isso o público fica dividido, pois não sabe se torce contra ou a favor.

Porém, tendo ou não o consentimento dos telespectadores, a jovem 'Teresa' foi um tremendo sucesso, e Angelique Boyer fez seu nome parar no panteão das protagonistas, foi o segundo gol da 'Televisa' em 2010, o primeiro foi 'Soy tu 'Dueña', e mereceu sua tardia exibição no Brasil.

Ana Brenda Contreras foi a doce Aurora, e era para ser apenas um coadjuvante na novela, mas a atriz mostrou que tem carisma, fez de um papel pequeno um atalho para sua primeira protagonista em 'La que no Podía Amar'. Aurora não era uma 'songamonga', a atriz colocou sal na personagem, sua bondade não era forçada e conseguia fazer as pessoas sentirem pura ternura por ela.

Publicidade
Publicidade

A atriz mereceu a atenção que conseguiu chamar, somente com o seu carisma.

Sebastián Rulli e Aarón Díaz são colírios para os olhos, o elenco feminino está maravilhoso: Fernanda Castillo, Cynthia Klitbo, Silvia Mariscal, Mar Contreras, entre outras.

Depois de 'Teresa', a Televisa resolveu apostar em protagonistas dúbias, que não chegassem a ser tontas e nem assassinas, a emissora queria que as personagens fossem mais humanas, pois assim a “mocinha” iria parar de chorar a novela inteira e seria mais independente, com atitudes críveis de aprovação e rejeição.

"Ser, ou não ser, e eu sou", frase eternizada por 'Teresa'

Para quem achava que a novela não iria segurar a barra, se enganou, a trama não decepcionou, manteve a estabilidade de 'Coração Indomável', conseguiu fazer os telespectadores comprarem sua história e também já quebrou recordes de audiência.

Publicidade

Agora resta saber qual será o término da novela escolhido pelo #SBT, já que existem três finais alternativos da trama.

Nome original: Teresa.

País de origem: México.

Protagonistas: Angelique Boyer, Sebastián Rulli, Ana Brenda Contreras e Aarón Díaz.

Números de capítulos: 151.

Produtor(a): José Alberto Castro.

Ano de exibição original: 2010

Quem roubou a cena: Angelique Boyer e Ana Brenda Contreras #Opinião #Novela Mexicana