O programa Pânico, exibido todos os domingos à noite na TV Bandeirantes tem um quadro que trata de imitações aos personagens da série Narcos, que trata da vida do bilionário colombiano Pablo Escobar. No programa desse domingo, (20), os personagens foram obrigados a andarem sobre cacos de vidro.

De acordo com o jornalista Odair Braz Jr, do portal R7, na ação, um dos personagens que participa dos desafios propostos no quadro, (Gui Santana), aparece ao chão se lamentando da dor de ter um dos pés cortados por vidros. O desafio exigia que os participantes “do joguinho” andassem por um caminho cheio de cacos de vidro e também, por espinhos, descalços, com apenas com shorts curtos e com ventiladores apontados para eles.

Publicidade
Publicidade

O próprio Gui saiu do quadro sangrando.

Segundo o jornalista Odair, esse tipo de situação que proporciona dor aos participantes de quadros humorísticos na TV aberta virou praxe. Principalmente no programa Pânico onde a dor já é sinônimo de audiência. O ‘cabeça’ do quadro, que é o humorista “Bolinha”, sempre realiza matérias onde o emprego da dor proporcionado aos integrantes é algo que para ele, gera audiência e atenção do público que assiste o programa aos domingos.

Processos na Justiça

Por ser muito polêmico, o programa pânico já passou por processos feitos por várias celebridades como Silvio Santos, (que depois de ter a imitação do seu personagem por muitos anos no programa, foi abordado e negou a dar uma entrevista aos entrevistadores. Com a insistência dos participantes do pânico, o Silvio decidiu entrar na justiça para vetar o uso de sua imagem no programa).

Publicidade

Outro caso envolve Zezé di Camargo e Luciano que não gostaram da sátira feita ao programa “2 filhos de Francisco”, pelo Pânico, e decidiram entrar com processo na justiça contra o quadro.

Outra celebridade que também já processou o programa, dessa vez por danos morais, é Preta Gil. A cantora afirmou publicamente que não gosta da forma humorística utilizada pelo programa e expõe que isso não é humor, mas sim fazer as pessoas de vítimas. #Entretenimento #Famosos #Televisão