Jean Wyllys sai em defesa de #Eduardo Cunha nas redes sociais num post no Facebook e causa polêmica.

Mas porque Jean Wyllys colocaria um post no face book defendendo Eduardo Cunha, seu arqui-inimigo político e tão diverso nas sus ideologias?

Entenda que Jean Wyllys e Eduardo Cunha não são amigos e nem de longe compartilham das mesmas idéias e princípios.

A noticia:

Tudo começou com a veiculação e uma noticia na #Internet de que Eduardo cunha estaria de viajem para Cuba em companhia da família, a noticia postada no Instagram, veio acompanhada de uma suposta foto da filha de Cunha de shortinho fazendo um gesto obsceno com o dedo, foto que na verdade foi tirada do Instagram de Kendall Jenner.

Publicidade
Publicidade

A foto e a noticia se espalharam rapidamente pelas redes sociais e muitos sites e blogs publicaram-na como verdadeira, à exemplo do blog de Lauro Jardim (O Globo) que contem o seguinte texto, retirado do blog em 28 de Dezembro de 2015 as 7h:38min:

"O declarado anticomunista Eduardo Cunha embarcou a família hoje de madrugada para Havana, em Cuba, num voo partindo do Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. Depois de passarem o Natal no Rio de Janeiro, vão passar os últimos dias do ano na ilha de Fidel Castro. Não consta que algum Cunha vá pedir asilo ou tentar uma declaração de apoio do ditador. Até porque, há pouco, uma das filhas de Cunha enviou por meio do Instagram a foto acima. Cheia de significado." (mostrando no blog a foto obscena que roda no instagram).

O post de Jean Wyllys em defesa da verdade e de Cunha:

Sob o título :"Cunha vai para Cuba" e entre parênteses (Só Que Não), Jean escreve:

Usando a máxima "O importante é dar o furo, mesmo que acabe sendo uma furada" Jean acusa jornalista Lauro Jardim, dono do blog que veiculou a noticia, de nunca confirmar a noticia antes de publicá-la, classificando a noticia associada a foto, como "Uma mensagem ambígua que deu lugar a uma notícia falsa, um monte de especulações e muitos comentários misóginos e machistas sobre a moça." , frase esta copiada do próprio post do deputado, que segue defendendo a verdade e desmentindo a notícia envolvendo o Deputado Eduardo Cunha, que supostamente teria viajado para Cuba com a família, declarando ser contra esse tipo de noticia por já ter sido vitima inúmeras vezes do mesmo tipo de covardia, e condena as críticas irônicas feitas envolvendo o declarado anticomunista Cunha.

Publicidade

Mas Jean Wyllys estaria defendendo Eduardo Cunha?

Em seu post Jean Wyllys defende "a ideia", e não Cunha, de que ninguém, deveria ser condenado e nem merece ser linchado virtualmente, e em suas palavras

"E nem mesmo um sujeito desprezível como Cunha merece ser alvo dessa desonestidade.”.

De boatos maldosos que são espalhados rapidamente por pessoas que nunca checam a veracidade das noticias, se apressam a comentar, insultar, destilando ódio, e propagam o preconceito.

Contudo o Deputado Willys toma a "contramão" de suas intenções (não muito claras) e dispara declaradamente falando em um discurso meio pesado, de seu repúdio contra a pessoa do Presidente da Câmara Eduardo cunha, um discurso duro conforme segue em suas palavras, copiadas diretamente do post disponível em sua pagina oficial no Facebook,

"Cunha é um bandido, formalmente acusado pela Procuradoria Geral da República pelos crimes de lavagem de dinheiro, evasão fiscal e corrupção. Ele é, além de corrupto, um representante do mais repugnante conservadorismo, da homofobia, do machismo, do discurso de ódio contra as minorias, da negação dos direitos humanos e do lobby corporativo que coloca a política e as instituições da República a serviço dos interesses do capital concentrado e dos partidos fisiológicos." E completa "Eu enfrentei Eduardo Cunha desde muito antes de ele ser presidente da Câmara e avisei o que viria se ele fosse eleito! E continuarei enfrentando!”. #Lava Jato