Qual será a atitude de um padre ao ser convidado para tirar uma foto ao lado de um travesti? Isso aconteceu com um padre e foi justamente o padre Fábio de Melo e para completar, foi em um local público, repleto de #Famosos. O que será que padre Fábio respondeu? Será que ele aceitou o convite? Ou recusou? Confira agora nesta belíssima e emocionante história.

Padre Fábio de Melo foi convidado para a festa de aniversário da cantora Alcione que seria realizada na quadra da Mangueira. O evento foi no último final de semana e reuniu muita gente, inclusive vários famosos estiveram por lá.

Sentado próximo à aniversariante, Padre Fábio percebeu que tinha um travesti olhando para ele, a uma certa distância e ele contou que ficou imaginando o que faria se aquele rapaz lhe pedisse para tirar uma foto juntos.

Publicidade
Publicidade

O padre confessou a hipocrisia do seu coração porque naquela hora não viu o rapaz como uma pessoa comum, um irmão em Cristo, mas como alguém que poderia lhe deixar constrangido.

O travesti ficou olhando quase que o tempo todo para o padre, até que tomou coragem e foi em sua direção. Quando viu a sombra do rapaz já próximo dele, padre Fábio conta que na hora ele sentiu o seu grande preconceito, teve medo de se expor e sentiu esta coisa horrorosa que ele sempre condenou.

E com um lindo vestido o travesti chegou bem próximo do padre Fábio e perguntou se ele aceitaria tirar foto com uma pecadora e o padre respondeu que sim. Abraçou o rapaz e tirou a tão desejada foto.

"Eu não acredito que o senhor permitiu esta foto", dizia o travesti emocionado sem acreditar que tinha conseguido realizar aquele sonho.

Publicidade

O OUTRO LADO DA HISTÓRIA QUE EMOCIONOU O PADRE E EMOCIONARÁ VOCÊ TAMBÉM

Assim que o rapaz se retirou a irmã da cantora Alcione se aproximou do padre e contou quem era aquele travesti. O rapaz mora na Lapa e é uma pessoa muito caridosa.

Criou um grupo naquela região e está ajudando a alimentar várias pessoas que antes passavam fome e também está recolhendo os miseráveis jogados pelas ruas e ajudando-lhes.

O trabalho que este travesti faz é tão importante que já foi reconhecido internacionalmente. Ele recolhe as pessoas pobres, abandonadas, as leva para sua casa e dá um banho nessas pessoas, alimenta-as e toma todas as providências necessárias para que elas possam novamente viver com dignidade.

Padre Fábio de Melo disse que ao ouvir isso foi como se tivesse levado um tapa na cara. Aquele que antes lhe provocou um certo preconceito é uma pessoa que faz caridade, que ajuda o próximo, que não mede esforços para ajudar as pessoas mais necessitadas.

Ainda emocionado, padre Fábio contou que ele como padre não faz o que aquele travesti faz, de ser solidário, caridoso, recolhendo pessoas pobres pelas ruas e levando para sua casa, dando-lhes banho e alimento.

Padre Fábio de Melo contou este seu testemunho em uma pregação realizada na Canção Nova, São Paulo e o vídeo já está sendo visto por milhares de pessoas.

Assista você também e deixe seu comentário.

#Religião #Comportamento