Gibson (José de Abreu) é o "Pai" da facção criminosa e agora está determinado a acabar com a vida de um dos integrantes do seu bando. Ele ordenará a morte de seu futuro genro, Orlando (Eduardo Moscovis) no intuito de garantir sua verdadeira identidade e também para preservar os negócios da facção.

Zé Maria (Tony Ramos) será convocado para uma reunião de emergência, assim como Romero Rômulo (Alexandre Nero) que depois de se envolver com Tóia, tem ficado dividido entre ser uma pessoa do bem ou do mal.

A morte de Orlando já estava prevista no folhetim e acaba de ser confirmada. É mais um assassinato na novela das 21 horas no intuito de dar agilidade à trama que terá o seu final adiantado em 3 semanas para que a estreia de "Velho Chico" possa ser antecipada.

Publicidade
Publicidade

"O Dante está na cola de Orlando", dirá o avô do policial reconhecendo que nem sua própria família quer saber dele. Zé Maria não vai pensar duas vezes antes de aconselhar o "Pai" da facção a dar fim ao "irmão".

Dante (Marco Pigossi) vai descobrir tudo sobre o bandido e estará bem perto de conseguir as provas de que ele é um membro da facção e Lara, a primeira esposa de Orlando, vai ajudar entregando a Nelita (Bárbara Paz) uma gravação onde o criminoso confessa ter se casado com ela só para ficar com a fortuna da família.

Romero reconhece que está difícil despistar o filho policial e que ele vai mesmo chegar à facção através do Orlando e isto é uma ameaça para todos eles, até porque Orlando poderá começar a revelar os podres de todos eles.

Gibson concorda que não é possível mais arriscar e pergunta se todos estão de acordo em matar Orlando.

Publicidade

"Está decidido, Orlando vai morrer!", é a sentença final do "Pai" que tem o apoio de Romero e Zé Maria que completa: "Orlando é um homem morto."

O "Pai" vai pedir para ninguém se precipitar porque Orlando está acuado, surtou e é só aguardar que ele cometerá algum erro e é nesta hora que a facção se livrará dele.

Se Orlando desconfiar que será morto pela facção ele entrega todo mundo, então será preciso cautela. #Entretenimento #Televisão #Novelas