O empresário Orlando (Eduardo Moscovis) irá morrer no capitulo 100 na trama "A Regra do Jogo". Bastante descontrolado depois de ser desmascarado pelo filho adotivo de Romero (Alexandre Nero), o vigarista tentará matar Gibson (José de Abreu) para ser o dono da facção. Porém, o chefe da família Stewart subornará o capanga que o estará mantendo preso e o "Pai" da facção conseguirá mudar o jogo. O vilão irá chamar Romero para matar o traidor, mas como o ex-vereador novamente se recusa a cometer o crime, o "Pai" fará o trabalho.

Segundo o colunista de TV Daniel Castro, tudo ocorre quando o ex-marido de Lara (Carolina Dieckmann) descobre que o chefe da facção terá mandado o namorado da Adsabeba (Suzana Vieira) matá-lo.

Publicidade
Publicidade

O bandido irá capturar o chefe com a ajuda de um capanga  e o manterá preso num galpão, mas o comparsa ficará preocupado e questionará Orlando:

"Por que você não disse que esse homem  é o "Pai" da organização criminosa? Você faz parte da facção, não é? E está se comportando como um traidor . Por que que você não me disse?".

Com toda a certeza de que a missão dará certo, o empresario afirmará: "Você está pensando tudo errado. Esse homem já era, quem é o "Pai"da organização criminosa sou eu". Contudo, o avô de Dante (Marco Pigossi) prometerá bastante dinheiro ao comparsa, para que ele o liberte, e o capanga aparecerá enfrentando o cientista. Como o subordinado leva a melhor na briga com o Orlando, ele abrirá a porta para o "Pai" sair, mas nessa altura o empresário conseguirá levantar-se e atirar no capanga.

Publicidade

O bandido também tentará atirar em Gibson, mas o "Pai" conseguirá se esconder e achará um celular para ligar para o líder da facção, Zé Maria (Tony Ramos). "Sou eu, o "Pai". Você tem que vir para o galpão onde ia ser realizado o laboratório falso do cientista", ordenará o chefe da organização criminosa. Logo em seguida ele será encontrado por Orlando, mas Gibson lutará com ele e conseguirá acerta-lo com uma barra de ferro.

Durante a luta, o vice-presidente da FarmaStew acreditará que irá levar a melhor na briga e dirá: "O grande "Pai", o chefe de tudo, irá morrer nas mãos do caipira e pobre aqui". Mas  então o líder da facção chegará e renderá o empresário. O marido de Nora (Renata Sorrah) manterá o genro amarrado e mandará chamar Romero. " Romero, sabe qual o seu problema? Você não é capaz de matar. Nós precisamos acabar com isso. Pegamos o Orlando e será você que irá acabar com ele". Entretanto, Romero amarela outra vez na hora de atirar e a cena terminará com o chefe da facção atirando no Orlando à queima-roupa. #Entretenimento #Famosos #Novelas