A apresentadora Maria da Graça Xuxa Meneghel foi a grande convidada do 'Legendários' especial de natal. A eterna "rainha dos baixinhos" recebeu muitos mimos do apresentador da atração, Marcos Mion. O programa já irá ao ar neste sábado, 19. Dentre os momentos mais marcantes do especial, um acabou se destacando, o momento em que a mãe de Sasha fez uma declaração para lá de comovente para o seu atual amor, o cantor e ator da TV Record, Junno. Na mensagem dita em rede nacional, #Xuxa avisou: ''quero morrer ao lado dele"

Mas engana-se quem pensa que o comunicador do 'Legendários' não tocou em algumas polêmicas da vida e carreira de Xuxa Meneghel.

Publicidade
Publicidade

Entre uma brincadeira e outra, a comunicadora falou sobre a viagem que fez aos Estados Unidos para passar uma temporada na casa do 'Rei do Pop', o cantor Michael Jackson. 

No rancho de Neverland, na Califórnia, Xuxa ficou surpreendida ao descobrir que Michael Jackson já sabia muitas coisas sobre ela. Na oportunidade, a loira recebeu de um dos funcionários do artista americano um contrato de casamento. A animadora revelou que Michael sempre quis ter filhos com uma mulher do seu biotipo, loira, bonita e alta. A apresentadora, como sabemos, não aceitou a proposta para lá de indecente. 

Já em um dos momentos mais aguardados pelos fãs da "rainha dos baixinhos", Xuxa se declarou para o seu par romântico da vida. Ela revelou que quando conheceu Junno, já perto dos seus 50 anos, achou que não encontraria mais ninguém interessante para passar seus dias, mas acabou errando.

Publicidade

A apresentadora contou ainda que demorou apenas três dias para saber que Junno era o homem da sua vida. Na oportunidade, a loira disse que quer morrer ao lado do namorado. Ela ainda elogiou o cantor, dizendo que ele é muito talentoso. Junno deve ser visto no ano que vem como ator na novela 'Escrava Mãe', que já foi gravada. 

Outro momento emocionante do 'Legendários' foi quando Xuxa contou que queria curar a mãe. Alda Meneghel tem 78 anos e sofre com o Mal de Parkinson.

*As aspas do título desta reportagem foram editadas para uma melhor adequação.  #Rede Record