Quando as pessoas pensam em um profissional carismático e polivalente, que já foi jogador de futebol americano e atualmente trabalha como ator, dublador e comediante, todos podem se reportar ao norte-americano de 47 anos, nascido na cidade de Flint, no estado do Michigan, Terrence Alan "TerryCrews. Atualmente os brasileiros veem Terry Crews na #Televisão, no seriado Todo mundo odeia o Chris (My Wife and Kids), interpretando o personagem pão-duro Julius, marido da impulsiva e transloucada Rochelle. Terry atua ainda no seriado de comédia policial Brooklin 99 na TV paga, pelo canal Fox.

Sem sombra de dúvidas, Terry Crews, se tornou uma das estrelas mais carismáticas do mundo publicitário moderno, ou seja, uma espécie de garoto-propaganda de extremo sucesso.

Publicidade
Publicidade

Por exemplo, quando se pensa em propagandas e comerciais absolutamente “absurdos” ou “sem sentido”, como o do desodorante masculino Old Spice, sem a participação do intérprete americano, é algo simplesmente inconcebível.

O sucesso consegue atravessar fronteiras, e foi exatamente isso o que aconteceu com o comercial de Old Spice, que chegou no Brasil no final do ano de 2015 de forma fenomenal. Por outro lado, o processo de dublagem da campanha não foi capaz de satisfazer e agradar o público brasileiro, tornando-se objeto de críticas severas que partiram de inúmeras pessoas, pois sentiram a falta da voz original do ator no filme.

A agência de publicidade internacional Wieden+Kennedy, que está sediada em São Paulo desde 2010, viu no acontecimento, não um problema, mas uma tremenda oportunidade de promover ainda mais o sucesso da campanha no novo filme do desodorante masculino com Terry Crews.

Publicidade

Enfim, no comercial, Terry fica face a face com o homem que o está dublando e assim, consegue provar que fala o português “perfeitamente”.

Tanto foi assim que Gustavo Victorino, diretor de criação da Wieden+Kennedy em São Paulo, disse que “os melhores briefs são aqueles que surgem da vontade do consumidor. Uma oportunidade dessas nunca pode ser perdida."

O estilo do bom humor também adotado nos Estados Unidos continua sendo marca registrada do comercial no Brasil, onde o filme tem por alvo condicionar a presença da marca no país em questão. Vale ressaltar que a produção foi realizada pela Delicatessen Filmes, tendo a direção do Lemon. #Comunicação #Comportamento