"O homem é o lobo do homem", a frase do filósofo Thomas Hobbes (1588/1679) tem cada vez mais sentido quase 400 anos depois de ter sido proferida. O ano é 2016, o século o XXI, a mídia mais massiva está se tornando a internet. Nesta sexta-feira, 08, internautas de todo o Brasil levaram o nome de uma adolescente ao assunto mais comentado do Twitter. No microblog de 140 caracteres, a atriz Larissa Manoela foi alvo de supostas nudes, mais tarde desmentidas por ela mesma e pelo namorado, o também ator João Guilherme. Adiantou o desabafo de ambos e a negativa? Não! Um dia depois, o nome da protagonista de 'Cúmplices de um Resgate', do #SBT, ainda é alvo de mentiras.

Publicidade
Publicidade

Mas e se as fotos fossem realmente verdadeiras? 

Não importa. O que os brasileiros e boa parte dos internautas do mundo ainda não entenderam é que as atitudes do mundo online não podem ser distantes do que acontece no mundo real. É comum você chegar em um mercado é ver pessoas rindo de uma foto nua de uma jovem de quinze anos? Ou então naquela espera pelo médico, os pacientes dissertarem se os seios de uma imagem seriam ou não de uma garotinha? Não, nada disso é normal. Na internet também não. Até mesmo os sites não tiveram o cuidado devido ao divulgar o assunto. Até mesmo aqui, na Blasting News, uma imagem com uma tarja foi publicada. Para quê? A tarja esconde alguma coisa? É como se fosse apenas um eufemismo para dizer que não estão compartilhando um conteúdo perigoso. 

Não é porque Larissa é famosa que ela precisa ser comparada à uma privada do mundo.

Publicidade

Aliás, a internet já corresponde muito bem ao papel de esgoto da sociedade, onde todos jogam o que bem entendem por lá. Felizmente, a legislação sobre o assunto tem ficado mais clara. Ainda assim, aplicativos, que também são chamados de redes sociais, como o Whatsapp, ainda são usados para compartilhar fotos e vídeos íntimos de #Famosos e anônimos. O espírito do 'Big Brother' parece morar 24 horas em cada um de nós. Como combater isso? Não compartilhando já é um começo. Refletindo já é um passo bem grande. Que tal?  #Novelas