Mara Maravilha faz duas participações no programa "A Tarde É Sua", apresentado por Sônia Abrão, na segunda e terça-feira (11 e 12). Nas entrevistas, Mara Maravilha revela fatos inéditos em "A Fazenda". A cantora confessou erros e falou mais sobre o que ela considerou uma "traumática" participação sua no reality show, revelando fatos que ela considerou como "agressão psicológica", ocorrências que mexeram com a cabeça da cantora, até então não sabidos, e relata fatos que acredita que a TV não mostrou: roubo e destruição de fotos de família e objetos pessoais, roupas jogadas no lixo e muita manipulação psicológica. Mara conta ainda que até hoje tem pesadelos devido à pressão do encarceramento e da direção do programa, que contrariava até seus princípios de fé.

Publicidade
Publicidade

Mara afirma que não exagera nas declarações e que pensava ser mais forte para superar tudo.

Mara ainda desmente notícias divulgadas durante sua estadia na fazenda, confira e entenda o porque de tanto holofote sobre a cantora gospel. Aparentemente, Mara teria entrado em conflito com sua conversão ao evangelho, mas demonstra que ainda continua firme na sua fé, e como evangélica, entende e bem sabe que a maioria dos evangélicos condenariam boa parte das sua atitudes como "Mara Maravilha" no reality show. Ela, que já fez declarações polêmicas sobre sua religiosidade e sua imagem como "cantora evangélica" ou gospel, dando a entender que o estereótipo de evangélica lhe incomodava e que não ajudava mais na carreira artística.

Apesar do jeito meio "espivitado" da baiana, e atitudes que demostram ser uma pessoa muito impulsiva, e muitos dizem que é, Mara se mostra mais tranquila do que das últimas vezes em que apareceu na TV para falar sobre sua passagem polêmica no reality A Fazenda.

Publicidade

Nas entrevistas para o programa “A Tarde É Sua”, ela falou mais descontraidamente sobre outros assuntos antes de entrarem no tema "Mara Maravilha 'causou' na Fazenda."

Mara Maravilha demonstra que uma das coisas que a incomodaram, após a sua saída, foi a dimensão que a imprensa ligada à emissora deu as suas atitudes durante o seu período dentro da fazenda, maximizando tudo, para logicamente obter audiência, trazendo exposição e gerando polêmicas quanto a sua posição como Cristã evangélica. Contudo, apesar de um dos participantes do programa cobrar dela, logo no início do programa, "Sim sim, não não", fazendo alusão a um versículo da Bíblia e à fé de Mara, o assunto religião não foi tema principal, e foi praticamente deixado à parte.

Mara acusa produção do programa

Uma das questões fatídicas levantadas, foi a dos três tapas que Mara teria dado no rosto de Douglas, após uma tentativa da cantora de dizer que foi mais "novela mexicana" do que agressão, e tentar encenar a passagem. Depois de bastante questionada, ela confessa, dizendo: "Primeiro eu quero falar o seguinte, (pausa) como ser humano, (pausa) isso que vocês querem ouvir, exclusivo aqui, 'Eu errei' 'tá, errei.", deixando no ar uma controvérsia, dizendo: "Era isso que 'deveria' ser feito", dando a entender que essa atitude, foi um comando recebido da direção do programa para causar reboliço, visto que em outra fala ela confessa que recebeu "orientação" da produção do programa para fazer polêmica dentro da sede e justifica: "Quem tem juízo obedece, disseram que não queriam a 'Mara fanática'".

Publicidade

Confira em três vídeos as entrevistas de Mara Maravilha no "A Tarde é Sua"

Nota: As citações feitas nesta reportagem não exprimem a opinião pessoal dos redatores e nem deste veículo de comunicação. #Famosos #Comportamento #A Fazenda 2015