Wagner Moura concorre ao Prêmio Globo de Ouro de melhor ator em 2015. Em um divertido e descontraído bate-papo o ator Wagner Moura arrancou risadas do apresentador do programa "The Tonight Show" Jimmy Fallon, ( ex-Saturday Night Live) da rede NBC.

Conhecido na TV brasileira por diversos papéis de sucesso, Moura teve o ápice de sua carreira no #Cinema, no papel principal em Tropa de Elite e Tropa de Elite 2, como Capitão Nascimento, um policial do BOPE, tido como incorruptível. Wagner Moura vai concorrer agora ao prêmio de melhor ator pela interpretação na minissérie "Narcos", na qual interpreta Pablo Escobar, um dos mais famosos gangster do narcotráfico mundial, o colombiano tido como "o senhor da drogas" e que foi considerado um dos homens mais ricos do mundo às custas do tráfico internacional de cocaína.

Publicidade
Publicidade

Na minissérie "Narcos", Wagner Moura compete com atores de peso, como Jon Hamm pela atuação em "Mad Men", Rami Malek em "Mr. Robot", Bob Odenkirk que atuou em "Better Call Saul" e Liev Schreiber em "Ray Donovan", série que foi ao ar no canal Showtime nos EUA, cujo episódio de estréia da temporada 3 atraiu mais de 1 milhão de telespectadores.

A produção de “Narcos” foi uma parceria da Netflix e a Gaumont International Television, dirigida por José Padilha e muito elogiada nos Estados Unidos pela maneira "criativa" de recriar o traficante mais poderoso da história.  O seriado foi criticado na Colômbia, onde preferem esquecer o personagem que faz parte de um lado negro a história do país.

A cerimônia de premiação do Globo de Ouro 2016 será em Los Angeles, na noite de domingo (10), apresentado agora por Ricky Gervais.

Publicidade

Concorrem aos prêmios filmes como: “Carol”, o polêmico “Spotlight: Segredos Revelados”, “A Grande Aposta” e “O Regresso”, a premiação que antecede o Oscar, já da dicas de quais serão alguns dos vencedores.

Notas:

O brasileiro Wagner Moura, disse na entrevista ao apresentador do programa "The Tonight Show", Jimmy Fallon, que "foi um erro" a sua escolha para viver o traficante Pablo Escobar em “Narcos”, arrancando risadas do apresentador e do público, em suas palavras: “Acho que este foi um grande caso de erro na escolha do elenco da história”, brincou durante a entrevista.

O ator revelou que a intenção dos produtores era de fazer a série em inglês, e disse que pensou que poderia fazê-la "em inglês com sotaque naturalmente" brasileiro.O brasileiro segue tirando gargalhadas do público com declarações, dizendo que era 18 quilos mais magro que o personagem e não falava ema palavra em espanhol, e pensou consigo "esses caras são loucos" disse Wagner Moura, tirando novamente risos do público.

Publicidade

Wagner Moura também conta que teve que aprender espanhol e que seu sotaque foi criticado pela imprensa brasileira, contou também que foi à Colômbia fazer curso de espanhol, tendo se matriculado em um curso universitário para estrangeiros, brincando mais uma vez disse que era bom estar de volta à escola, que se aprende coisas e também se come "coisas deliciosas" brinca Wagner Moura.

Veja no vídeo a entrevista de Wagner Moura ao "The Tonight Show":

#Entretenimento