A modelo Carla Verde dá entrevista em sua casa em Salvador à Rede Record, e afirma ser a mulher que provocou a cena de ciúmes e tirou #Ivete Sangalo do sério num show ao vivo na Bahia. 

A atitude de ciúmes de Ivete Sangalo já recebeu apoio de fãs, amigos, atores e cantores, o "babado" tomou conta dos programas de TV sobre #Famosos e das redes sociais, e agora foi tema de entrevista nos principais programas de domingo, da Record e da Globo, mas a grande pergunta é: Quem seria na verdade Carla Verde?. 

Quem é essa mulher "cheia de assunto" que teria atraído a atenção da cantora para uma cena de ciúmes ao vivo, por causa do marido Daniel Cady. 

A modelo baiana de 37 anos recebeu em sua casa bela casa, com duas piscinas e bem decorada, a equipe de reportagem da Rede Record, e falou abertamente sobre o acontecido.

Publicidade
Publicidade

A loira disse que é viúva e mãe de dois filhos adolescentes, que é modelo e animadora de bailes infantis de #Carnaval, além de atuar como "Ring Girl", garotas contratadas para eventos de lutas de boxe e UFC, para animar os eventos. 

Em mau português, a modelo na entrevista e diz: "Há 15 anos eu 'sô' garota Ring Girls nas "luta" do meu grande amigo 'Reginaldo Hollyfield', eu não precisei desse momento pra 'mim' ganhar fama, o nome Carla Verde já tem fama, há mais de 15 anos atrás" e dá mais pormenores, de que caprichou no visual para ir ao show de Ivete, e detalhadamente ela conta à repórter: " Eu 'tava' com um vestido preto e branco, um saltinho, uma botinha de salto, meia canela, muito bem maquiada 'como eu sempre ando, né', e 'tava' com uma taça na mão 'escrito meu nome', que eu ganhei de presente, inclusive de um deputado". 

A modelo Carla conta que no dia estava com amigos, se divertindo no mesmo camarote, que era um camarote sofisticado e "ele" (Daniel Cady) estava com seus familiares, e que o marido de Ivete cumprimentou-a com muita educação e ela também respondeu com muita educação, frisando que, em momento algum houve falta de respeito, que "hora ele conversavam com ela e hora paravam", e relata; "Foi tudo muito natural, não 'teve' nada de conversa íntima, nada de ele me paquerar, ou de eu paquerar ele, não houve nada disso" e conclui, se perdendo um pouco nas palavras: "O que houve foi...

Publicidade

assim..., ele com muita educação comigo e eu com ele, o que houve apenas foi isso". 

Na entrevista Carla Verde surpreende contando que não sabia que Daniel Cady era casado e nem que era marido de Ivete Sangalo, e por tudo que contou, houve uma conversa e foi longa, a modelo relata que falaram sobre o show, sobre o calor, sobre ter muita gente, etc, que não foi sobre um assunto específico, mas afirma que: "Não houve maldade de nenhuma das partes, nem minha e nem dele". 

Porém perguntada por quanto tempo eles conversaram ela disse que foi por pouco tempo, mas o suficiente para Ivete perceber e dar a bronca nele "de lá pra cá" como disse a modelo. 

Apesar das declarações do marido de Ivete à imprensa, negando que Carla era a mulher "cheia de assunto" que esteve com ele naquele dia, acusando-a de ser uma oportunista, Carla Verde afirma veementemente que era ela no dia do ocorrido e declara: "Foi eu mesma, assino embaixo, meu nome é Carla Verde". 

Por fim a modelo animadora de bailes e 'ring girl' diz que tem namorado e que também é muito ciumenta, e que não condena Ivete, e defendendo atitude da cantora diz que acha esse tipo de comportamento normal, "de quem ama, de quem cuida", dizendo: " Ela 'tava' cuidando do que era dela, do que é dela".

Publicidade