Pode ser quase possível de acreditar, mas um dos empresários mais ricos já existentes no Brasil, Roberto Marinho, que faleceu em 2003 aos 99 anos, foi esnobado por um simples pescador. O caso foi relatado pelo site Notícias da TV. De acordo com a publicação, o pescador não quis dar os peixes sem receber o dinheiro na mão. Dono de um verdadeiro império midiático, como a Rede Globo de Televisão, Roberto levou não até mesmo quando disse o nome da Globo para o pescador. O caso aconteceu na década de 1980, quando a emissora carioca vivia sua década de ouro, com novelas que chegavam aos 60 pontos no Ibope e Xuxa picava 40 pontos em plena manhã. 

Quem revelou a história foi um amigo pessoal do dono das Organizações Globo, o jornalista Carlos Tavares, hoje com 92 anos.

Publicidade
Publicidade

Amigo pessoal de Marinho, ele revelou que o empresário apoiava a pesca submarina e que durante 20 anos pescava os próprios peixes para comer. Em dado dia, após uma forte chuva, não havia condições de se mergulhar. Roberto, no entanto, tinha visitas em sua casa e não quis fazer feio, decidiu procurar alguém pelo local que tivesse tido uma sorte melhor. 

O dono da Globo avistou um pequeno barco. Nele, dois pescadores ostentavam quatro badejos. Daí que o empresário percebeu o inevitável, não carregava dinheiro. Ele então olhou para o amigo, Carlos Tavares, e perguntou se ele teria 50 cruzeiros. Como estavam vestigos para mergulhar, nenhum dos dois havia levado qualquer centavo. Como fazer então?

Marinho foi conversar com os pescadores e propôs levar os peixes fiado, pagando não 50, mas 200 cruzeiros pelos quatro peixes, muito mais do que eles valiam.

Publicidade

O pescador, sem conhecer o homem que estava a sua frente disse não. O empresário então disse quem era, não adiantou. Ele tentou uma terceira tentativa. "Sou o dono da #Rede Globo de Televisão" e ouviu do pescador que não conhecia quem era a tal "Rede Globo", e que se quisesse os peixes, teria que ter dinheiro em mãos. O dono da emissora então foi embora, frustrado por não ter feito o negócio.  #Entretenimento #Famosos