Aos 67 anos, o ator Tonico Pereira voltou a polemizar nas redes sociais. Depois do episódio quando a cantora Claudia Leitte foi criticada por ter sido autorizada a captar mais de R$ 350 mil pela Lei Rouanet, ele decidiu postar um vídeo e endossar as críticas ao mau uso do dinheiro público. Nesta segunda-feira, 22, o Ascânio, de 'A Regra do Jogo', usou uma página na internet para publicar um vídeo irônico. O ator, que fez muito sucesso em 'A Grande Família', contou como gastaria o dinheiro da Lei Rouanet, caso fosse autorizado pelo Ministério da Cultura a captar dinheiro. 

De acordo com o ator, o seu melhor projeto para receber patrocínio é o próprio pênis.

Publicidade
Publicidade

Ele garantiu que pedirá dinheiro para fazer a reposição de sua prótese peniana e que fará isso aproveitando o novo jeito de patrocínio indireto da Lei Rouanet. Querendo ou não, as frases ditas no vídeo acabaram sendo relacionadas à cantora Claudia Leitte, que acabou desistindo de captar dinheiro com empresários para patrocinar uma espécie de biografia. 

Nas imagens publicadas no Facebook, Tonico ainda se pergunta por qual motivo ele faria o pedido ao Ministério da Cultura. "Eu acho, tenho certeza, que meu pau é arte", garantiu o ator de '#A Regra do Jogo'. Na rede social, os fãs do ator disseram que ele está certo em pedir a reposição peniana. Alguns até elencaram um adjetivo muito desejado pelas celebridades, o de "mito". Outros até garantiram que já não veem a hora para verem a apresentação com a nova prótese. 

Agora, é claro, sempre tem aqueles que fazem oposição.

Publicidade

Um seguidor disse que o projeto de Tonico não poderia ser aceito, já que o objeto dele já estaria completamente morto. É muita maldade, não é mesmo? Em tempo, Pereira está dedicando seu tempo às últimas gravações de 'A Regra do Jogo'. O último capítulo do folhetim de João Emanuel Carneiro vai ao ar no dia 11 de março. A substituta do horário nobre já foi escolhida, será 'Velho Chico', que entra na telinha da Globo no dia 13. A novela é protagonizada por Rodrigo Santoro e Antonio Fagundes, que vivem o mesmo personagem. A história é assinada pelo consagrado Benedito Ruy Barbosa.  #Novelas