Ana Paula começou a causar na festa de sexta-feira, 05, do Big Brother Brasil cedo. Logo no início da festa, ela foi atrás de Renan para provocá-lo. Ela não conseguiu tirá-lo do sério, mesmo pegando em seu rosto e apertando com a mão. Ele saiu e foi curtir a festa. Poucos minutos depois, na varanda, ela foi novamente atrás dele. Como sempre, seu assunto é jogo e votação.

Ela continuou o afrontando e se irritou ao ouvir que ele não tem medo de ir ao paredão, pois tem uma vida "aqui fora". Ele respondeu que não tem medo de ir ao paredão com ela e se sair será ótimo, pois não terá mais que conviver com a sister. Ela gritou e disse que ele iria embora. Não satisfeita, mandou ele indicá-la no paredão.

Publicidade
Publicidade

Ele disse que iria fazer isso mesmo, pois não tem outra pessoa para indicar. Ela então alisou seu abdômen e foi embora da discussão.

Em seguida, Ana Paula partiu para provocar Adélia. Do nada, Ana puxou Adélia pelo braço. A advogada saiu comentando que se fosse tocada novamente, "o pau iria comer". "Se encostar em mim, vou arrebentá-la", disse ela. Depois Ana Paula tirou um gelo de sua bebida alcoólica e jogou em Adélia. A loira mandou Adélia descer do batente em que estava dançando, mas a advogada não aceitou. "Você acha bonito dançar aí?", perguntou a mineira, que ouviu "Eu adoro" como resposta.

Quando Ana saiu, Adélia falou com a produção, alertando que era a "segunda vez", pois a loira já a segurou e jogou gelo, e que o pau ia quebrar. Munik percebeu e alertou sua amiga: "Você vai apanhar".

Publicidade

A loira riu e afirmou que já tinha feito a promessa de provocar a advogada nas festas, que fala e sai correndo.

Na pista de dança, a mineira voltou a provocar o modelo e o chamou para dançar. Ele não quis. Até sua amiga Munik ficou impaciente e repetiu diversas vezes que Renan não queria dançar com ela. Sem paciência, pediu para Matheus dançar com Ana, que reclamou também com Matheus que Renan não queria dançar com ela. Vendo o estado da sister, Ronan tentou várias vezes levá-la pra dormir, sem sucesso. A loira sempre respondia gritando: "Aqui é guerra!"

Até Munik deu uma dura nela: "Deu, já chega" e pediu para a amiga curtir a festa e parar com as provocações. Sua resposta? "Ninguém tira a gente daqui!"

Pouco depois, ela foi provocar Adélia mais uma vez. Ciente de que a amiga estava prestes a perder a cabeça, Renan entrou no meio das duas para evitar qualquer briga. Nesse momento, ela deu tapas na cara dele. O modelo ficou revoltado e foi no confessionário afirmando que foi agressão e ela teria que ser expulsa.

Publicidade

A produção o pediu para "ter calma" e afirmou que iriam analisar e resolver o caso. Ao sair do confessionário, Renan disse para Adélia que, caso Ana não seja expulsa, ele vai sair do programa e processar a Globo.

Até mesmo seus amigos Munik e Ronan confirmaram os tapas. Em conversa com Ronan, Munik perguntou se ele acha que Ana irá embora amanhã pela agressão. Ele respondeu que acha que não e ridicularizou Renan por "ser um homem grande e reclamar de tapas dados por uma mulher". 

Enquanto Ronan a ajudava para dormir e a segurava, ela deu um tapa nele, chutou, tentou dar um murro e ainda cuspiu nele, tudo na tentativa de voltar para a festa.

No Twitter, fãs de Renan pediram expulsão da sister. Fãs dela admitiram que ela errou e seu jogo pode acabar agora. Você acha que Ana Paula realmente deve ser expulsa do programa por essa atitude? Ou deve continuar no jogo?

  #BBB Big Brother Brasil