O mundo da música e dos #Famosos é uma verdadeira caixinha de surpresas. Após a polêmica dos meet and greets pagos à preços exorbitantes - prática que é comum entre famosos da #Música pop conhecidos mundialmente - uma novidade que poderia colocar muito fãs para baixo movimentou uma campanha a favor do astro. É que #Justin Bieber, o canadense loiro que vive às voltas em um relacionamento conturbado com a cantora americana Selena Gomez, decidiu cortar de vez os encontros íntimos com seus fãs, que garantiram uma foto com o astro antes de seus shows, geralmente apresentados em estádios ou casas de shows grandes.

O motivo ele revelou durante uma visita a uma boate americana, na última semana.

Publicidade
Publicidade

Justin, que foi agarrado por uma fã durante um desses encontro, revelou que se sente deprimido, exausto e cansado durante os meets. Por se importar com seus fãs, ele preferiu não fazer mais esse tipo de encontro. Por outro lado, Justin não disse se irá dar um jeito para encontrar seus admiradores, que muitas vezes dormem em portas de hoteis e estádios na esperança de ter um contato com o ídolo adolescente.

Alguns jornalistas da TV Record chegaram a comentar o fato e alertaram para os perigos da doença, que já atacou outros famosos, como Axel Rose, Michael Jackson e Amy Winehouse. Os três já faleceram e deixaram sua marca de dor na música e na história.

Os preços dos meet and greets de Justin variavam de sete a oito mil dólares por pessoa. O cantor sempre evitou falar sobre os valores, ainda que fossem pagos por fãs adolescentes e alguns adultos, em sua maioria. 

Justin está com tour na estrada, a Purpose World Tour.

Publicidade

Os brasileiros, que sempre tentam chamar a atenção de Justin fizeram uma campanha na internet para demonstrar o seu apoio. Durante boa parte da tarde e noite de hoje, dia 25 de março, a hashtag  "BRAZIL SUPPORT JB" ficou nos trending topics do Twitter. Até o fechamento desta reportagem, o astro não comentou o ocorrido.

Alerta para doença

Segundo a Organização Mundial da Saúde, a depressão é uma doença psíquica grave, que não escolhe classe social, faixa etária, cor ou sexo. Qualquer pessoa pode adquiri-la. Seus sintomas variam para cada indivíduo: agitação, ansiedade, ganho e perda de peso repentina, automutilação, choro excessivo, irritabilidade e isolamento social.