Não tá fácil para ninguém. O principal narrador esportivo da Rede Globo de televisão, Galvão Bueno, pode até ter tentado, mas ficou impossível de não ver um protesto feito pela torcida do #Corinthians contra a emissora da família Marinho. A Gaviões da Fiel fez uma manifestação contra a forma como a rede de TV transmite o #Futebol nesta quarta-feira, 02, quando o Corinthians enfrentou o 'Santa Fé' pela 'Taça Libertadores da América'. Para protestar, a torcida levou algumas faixas e as levantou na arquibancada. Uma delas dizia que o futebol era refém da Rede Globo

Narrador não fica quieto e faz mea culpa

Vendo o protesto, no fim do primeiro tempo da partida, Galvão Bueno decidiu se manifestar em relação ao que via.

Publicidade
Publicidade

Ele lembrou que apenas três canais transmitem a Libertadores em terras brasileiras. Apesar de não dizer nomes, Galvão se referia ao Fox Sports, Sportv e a própria Globo. O narrador lembrou então que a Globo era a única que exibia o evento esportivo sem cobrar nada por isso na TV aberta. Galvão emendou, revelando que isso já acontece no país há 40 anos, período que a emissora existe. "Mas protestar é direito do cidadão", terminou o jornalista. 

Política em meio ao futebol e mais protestos e faixas

A torcida do Corinthians tinha também outras faixas de protestos, como uma contra a Federação Paulista de Futebol, pedindo uma diminuição dos valores dos ingressos. Outra fazia referência ao deputado estadual Fernando Capez, presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, que teria autorizado um aumento do preço das engradas para ver os jogos de futebol na cidade. 

Alvo de faixa é investigado

Capez ficou conhecido nos anos 1990 por ter batido de frente com algumas torcidas organizadas.

Publicidade

O nome dele é um dos citados em uma investigação da policial civil, que apura corrupção e fraudes na compra de merendas para as escolas do estado de São Paulo. A operação conhecida como 'Alba Branca' também investiga Luiz Roberto dos Santos, que trabalhou como chefe da casa civil de Geraldo Alckmim. 

Interação

E para você, o protesto contra a Globo é válido? E o comentário feito pelo narrador esportivo, soou como chapa branca ou reflete o real momento do acontecimento? Esperamos pelo seu comentário.  #Rede Globo