O 12° episódio da sexta temporada de The Walking Dead foi ar mostrando a invasão do grupo de sobreviventes liderados por Rick Grimes à sede dos Salvadores. Se você não ainda não assistiu ao episódio, este texto contém spoilers.

O episódio começou mostrando Rick chegando à comunidade para avisá-los do que teriam que enfrentar para conseguir manter o acordo de fornecimento de alimentos, feito com a comunidade de Jesus. A reunião na igreja mostrou certo receio por parte dos sobreviventes à proposta de Rick de invasão e ao fato de terem que matar todos que estivessem lá. Mas, ao final da reunião, o único que se opôs à idéia foi Morgan, que sempre que pode, evita ao máximo entrar em conflitos e matar pessoas.

Publicidade
Publicidade

Ele propôs uma tentativa de diálogo, o que foi logo recusada por Rick e pelos membros do grupo. Porém, não foi apenas Morgan que se incomodou com a ideia, muitos dos outros sobreviventes passaram uma longa noite tentando digerir o que haveria de acontecer no dia seguinte. Matar pessoas reais que não eram zumbis não estava nos planos, pelo menos, não agora.

Após estudarem minuciosamente as melhores formas de invadir o local onde iniciariam o confronto, eles partiram. Chegaram cedo, estava ainda escuro, de madrugada, quando iniciaram o ataque. Carol discordou de Rick sobre a real necessidade de Maggie ter de participar da invasão, devido ao seu estado de gravidez, e decidiu ficar com ela no carro e aguardar enquanto se desenrolavam os acontecimentos.

A isca para entrar na fortaleza dos Salvadores foi oferecer o que eles queriam: a cabeça do líder da comunidade de Jesus.

Publicidade

Claro que não foi a cabeça real dele que entregaram, e sim uma de um zumbi que era bem parecida. Assim que os sentinelas da fortaleza saíram e viram a cabeça, logo caíram na armadilha.

O que se seguiu foi uma sequência de mortes como poucas vezes antes mostrada em The Walking Dead, tanto que muitos sites especializados estão classificando esse como o episódio mais violento da série, devido, principalmente, ao fato de os sobreviventes desta vez não atacarem para se defender como sempre foi mostrado antes.

A invasão mostrou a tática do grupo de Rick ao entrar de forma furtiva na fortaleza e matar, de preferência, com facas e atingir a cabeça para evitar barulhos de tiros. Para dar cobertura ao grupo, alguns ficaram do lado de fora. O silêncio da entrada, durante a invasão, só foi quebrado quando um membro dos Salvadores conseguiu soar o alarme - mesmo quando estava sendo atacado. A partir daí, foram só tiros de metralhadora em uma sequência alucinante que mais lembrava jogos de games como Rainbow Six ou Call of Duty, devido à necessidade dos grupo de atirar, se esconder, achar o inimigo e atirar de novo.

Publicidade

Por fim, todos no acampamento de Negan foram mortos, mas a aparente vitória de Rick e sua turma foi colocada em cheque quando uma voz misteriosa surgiu no rádio dizendo que estavam com Carol e Maggie em seu poder.

A situação pelo visto parece que vai se complicar bem mais do que Rick e seu grupo esperavam. É aguardar para ver. #Entretenimento #Televisão #Seriados