Em 'Liberdade, Liberdade', nova novela das onze que estreia na próxima segunda-feira, 11 de abril, na Rede Globo, a atriz Maitê Proença vai encarnar Dionísia, uma nobre fidalga que possui grandes posses em Vila Rica, no estado de Minas Gerais. Irmã de Raposo (Dalton Vigh), ela possui a incumbência de administrar os bens da família enquanto os demais estão fora, vivendo em Portugal. Graças aos problemas do passado, a personagem é descrita como uma mulher amarga e tradicionalista, mas que esconde de outras pessoas a sua libertinagem.

No início da história, em 1792, Raposo, o irmão de Dionísia, é um homem que apoia a inconfidência mineira, um movimento criado por Tiradentes (Thiago Lacerda) para promover a separação de Minas Gerais do restante do Brasil, que é governado pela rainha Maria I (Lu Grimaldi), integrante da família real portuguesa.

Publicidade
Publicidade

Ao descobrir que alguém está conspirando contra a coroa portuguesa, a rainha ordena que torturem os possíveis participantes da militância política. Sem saída, Rubião (Mateus Solano) entrega a cabeça de Tiradentes em troca de liberdade e alcança o seu objetivo, perdendo, para isso, o melhor amigo, Tiradentes, para a forca.

Como não descobrem o seu apoio ao movimento, Raposo resolve sair o quanto antes do Brasil, levando consigo o seu filho André (Caio Blat). Antes, porém, ele salva Joaquina (Mel Maia/Andreia Horta) de ser vendida como escrava, em troca de recompensa, por Mão de Luva (Marco Ricca) e de ser morta por Tolentino (Ricardo Pereira). Como a mãe da menina, Antônia (Letícia Sabatella), morre, Raposo promete adotar Joaquina como filha, tal como também faz com Bertoleza (Sheron Menezzes), uma escrava negra que é alforriada e passa a ser nobre.

Publicidade

Desta forma, Raposo, André, Joaquina e Bertoleza partem para um exílio em Portugal, retornando apenas dez anos depois. O motivo? Joaquina é filha de Tiradentes e todos querem a sua cabeça.

De toda a família, apenas Dionísia fica no Brasil, vivendo na fazenda de Raposo, que é repleta de escravos, como é o caso de Saviano (David Júnior) e Luanda (Heloísa Jorge), que são apaixonados um pelo outro. Quando era jovem, Dionísia era agredida pelo seu marido e acabou matando-o em legítima defesa, motivo pelo qual agora quer apenas diversão: quando lhe dá vontade requer que Saviano lhe satisfaça, provocando conflitos com Luanda, que não a enfrenta com receio de ser punida por isso devido ao fato de ser escrava. #Entretenimento #Televisão #Novelas