Conhecido mundialmente por canções repletas de balanço e sensualidade como Purple Rain e Kiss, o ícone pop Prince foi encontrado morto na manhã de hoje, quinta-feira (21), dentro do estúdio de sua casa, localizada em Paisley Park, Minnesota, Estados Unidos. A causa da morte não foi divulgada até o momento, mas sabe-se que, em 15 de abril, após realizar um show em Atlanta, o cantor precisou ser levado às pressas para um hospital ao sentir um forte mal-estar. Na ocasião, a equipe que dirigia o jatinho que o conduzia para casa foi obrigada a fazer um pouso de emergência no Quad City International Airport, Ilinois. Após passar mais de três horas dentro do hospital, Prince foi liberado.

Publicidade
Publicidade

O diagnóstico, de acordo com pessoas próximas ao artista, foi de uma forte gripe, doença esta que já o acompanhava há alguns dias. Tanto, que ele já havia cancelado algumas apresentações que faria em abril por conta dos sintomas que vinha sentindo.

O corpo de Prince foi achado no início da manhã de hoje e a morte confirmada às 9h43min da manhã. A polícia do condado de Carver inicia agora as investigações para descobrir a causa da morte, processo que deve se desenrolar pelas próximas semanas. "É com profunda tristeza que confirmo que o lendário e icônico artista Prince Rogers Nelson morreu", afirmou Yvette Noel-Schure, assessora do cantor.

Prince nasceu em 7 de junho de 1958, na cidade de Minneapolis e suas músicas eram marcadas pela junção de diversos estilos musicais e o uso de sintetizadores e baterias eletrônicas.

Publicidade

Ele tornou-se mundialmente conhecido na década de 1980, com a balada Purple Rain, que embalou o filme de mesmo nome. Perfeccionista, era conhecido pelos amigos por ser alguém que trabalhava muito e buscava sempre a perfeição. Daí vem a fama de centralizador e, muitas vezes, autoritário. Para os críticos, porém, Prince tinha outras singularidades, como o fato de ser um artista polivalente, capaz de cantar, tocar vários instrumentos, dançar e compor, algo que o tornava um artista polivalente e, por que não dizer, imprevisível.

. #Famosos