Existe um velho ditado que diz que no mundo nada se cria, tudo se copia. De fato, um produto acaba levando a outro, mostrando a constante evolução da sociedade. Uma ideia bem planejada e de sucesso acaba também sendo copiada na #Televisão. E é mais ou menos isso que aposta a emissora de Edir Macedo, a TV Record. O canal vai abandonar um pouco as histórias que se passam a 1.500 anos antes de Cristo para investir no período da Idade Média. A revelação foi feita nesta quinta-feira, 30, em um evento em Goiás, que contou com a presença de Marcelo Silva, vice-presidente da emissora da Barra Funda. 

O novo folhetim se passará entre o ano 400 e 1400 depois de Jesus Cristo, período conhecido na história como Idade Média.

Publicidade
Publicidade

A ideia é que a história medieval já substitua 'Escrava Mãe', baseada na obra de sucesso 'Escrava Isaura', que contará como foi a vida da mãe que teve uma filha branca, que sofreu muito preconceito na sociedade brasileira. Sendo assim, o 'Game of Thrones' brasileiro irá ao ar na faixa das 19h30. Deve existir um período entre o fim de 'Escrava Mãe' e a novela medieval, já que sequer o nome dela foi definido ainda, sem falar que a Record é especialista em cometer atrasos em sua programação. 

De acordo com uma reportagem do site 'Notícias da TV' publicada nesta sexta-feira, 1º de abril, a história terá como inspiração 'Game of Thrones', um dos maiores sucessos da história da HBO. Atualmente, a série é uma das mais vistas e pirateada do planeta. No enredo do folhetim, muitas brigas entre reinos que não se bicam, além de muito sexo e violência, sem a mesma intensidade, é claro, do que é visto na produção americana, até porque o horário em que o produto será exibido não permite isso.

Publicidade

Por enquanto, o título ainda é levado como 'Tribos' ou 'A Batalha dos Reinos'. A emissora já tinha anunciado projetos parecidos no passado, mas esses nunca sequer saíram do papel. 

É bom lembrar que a emissora demorou cinco meses entre o fim da gravação da primeira parte de 'Os Dez Mandamentos' e o início da segunda. O canal teve problemas com a terceirização no RecNov. #Seriados #Rede Record