Não é novidade que as #Novelas turcas tem abalado o mercado internacional. Originalmente séries com duas ou três temporadas, as emissoras turcas começaram a compilar essas produções em novelas e vendê-la para o mundo. Mil e Uma Noites foi o primeiro grande sucesso, tendo conquistado toda a América Latina, e logo em seguida outras tramas como Ezel, Sila e Fatmagül conquistaram fama.

Mil e Uma Noites também foi a primeira exibida no Brasil, e de cara conquistou bons índices para o padrão da Band. Logo vieram Fatmagül e Sila, ambas repetindo os bons números. A emissora pretende seguir investindo em tais produtos, já tendo comprado várias outras, como Amor Proibido, Ezel, O Sultão e A Esposa Jovem.

Publicidade
Publicidade

Confira qual turca fez mais sucesso até agora na Band:

1º lugar: Sila, Prisioneira do Amor

Com cerca de 25 capítulos já exibidos, a média geral da trama até agora é de 3,16 pontos, sendo a que mais se destacou até o momento. A trama que conta a história de uma jovem que é raptada por seus pais biológicos e forçada a se casar com um homem que não conhece é recheada de fortes emoções, como a fuga de Sila.

2º lugar: Fatmagül, A Força do Amor

"Que culpa tem Fatmagül?" é o título original dessa tão famosa trama que a narra a saga de Fatmagül, uma vítima de estupro culpabilizada pela sociedade que quer justiça. A trama teve média geral de 3,05 pontos.

3º lugar: Mil e Uma Noites

A primeira turca veiculada no país, a novela estreou levantando os números do canal, fechando com média geral de 3,03 pontos.

Publicidade

A trama é estrelada por Bergüzar Korel, que não deve voltar a ser vista por aqui tão cedo, já que a sua mais recente novela não fez sucesso na América Latina. O galã, Halit Ergenç, logo deve voltar às telas brasileiras, já que a Band comprou sua mais recente novela, O Sultão.

As novelas turcas tem se destacado em toda América Latina, conquistando espaço em grandes canais da Argentina, Chile, México, Uruguai, Peru, entre outros. Nos EUA elas também tem sido exibidas em canais voltados ao público latino. #Televisão