O vocalista e fundador da banda Capital Inicial, Dinho Ouro Preto, de 52 anos, foi internado nesta quarta-feira (18), no hospital Sírio-Libânes, na cidade de São Paulo, com diagnóstico de dengue. Segundo nota publicada pelos médicos que acompanham o músico, nos próximos dias ele deverá permanecer em observação.

A enfermidade no cantor foi atestada na terça-feira (17) e a assessoria de imprensa da banda informou que os shows do Capital Inicial, marcados para o próximo fim de semana na cidade de São Carlos (SP) e Alfenas (MG), foram adiados.

A apresentação na cidade do interior paulista foi transferida para quarta-feira da próxima semana, dia 25.

Publicidade
Publicidade

Já o show que seria realizado no sul de Minas Gerais ainda não tem nova data agendada.

Sobre Dinho Ouro Preto

O vocalista do Capital Inicial nasceu em Curitiba, em 1964, mas foi em Brasília que iniciou sua história no cenário rock nacional. Ele residiu na capital federal porque seu pai foi embaixador.

Aos 11 anos de idade, Fernando de Ouro Preto, o Dinho, conheceu a dupla Bi Ribeiro e Herbert Viana (Paralamas do Sucesso) e a amizade renderia, a partir de então, bons frutos ao rock "brazuca".

Durante o chamado "Anos de Chumbo", época da ditadura, Dinho frequentava os encontros da Turma da Colina, realizados em um local que possibilitava a visão de toda a cidade de Brasília. Foi em um destes encontros que ele conheceu Renato Manfredini Júnior, o Renato Russo (Legião Urbana), que, na época, era integrante da banda Aborto Elétrico juntamente com os irmãos Felipe e Flávio Lemos que, mais tarde, em 1983, fundariam o Capital Inicial, com Loro Jones, após o fim do Aborto.

Publicidade

Dinho entrou para o Capital Inicial a convite de Fê, Flávio e Loro, que gostaram de sua performance cantando "Psicopata", #Música do primeiro álbum da banda, lançado em 1986.

Fim da banda

Em 1993, o vocalista anunciou que deixaria o Capital Inicial para seguir em carreira solo e, assim, o trio Loro Jones, Fê e Flávio, decidiram colocar fim na banda enquanto Dinho lançara dois trabalhos: Vertigo, em 94 e, no ano seguinte, Dinho Ouro Preto. Porém, a carreira solo do músico não vingou e ele decidiu estudar sobre música.

O retorno

A banda Capital Inicial voltou a se reunir em 1998, para a celebração dos 15 anos de sua fundação e acabaram lançando "Atrás dos Olhos" que repercutiu de forma positiva na cena musical brasileira, fazendo com que o grupo fosse convidado a gravar um álbum para a série Acústicos MTV, lançado em 2000, e que vendeu mais de um milhão de cópias, elegendo a obrigatoriedade da volta do Capital Inicial. #Famosos #Televisão