O principal assunto entre os noveleiros nas últimas semanas é o destino de Eliza, personagem vivida pela atriz Marina Ruy Barbosa que é a protagonista de #Totalmente demais, novela das sete da Globo que chega ao fim nesta segunda-feira (29).

Com quem a gata borralheira que virou modelo deveria ficar? Com Jonatas (Felipe Simas), seu par enquanto ainda era pobre e batalhava por melhores condições de vida, ou Arthur (Fábio Assunção), que após um início difícil contribuiu para que ela se tornasse quem é hoje?

As torcidas se dividiram, mas os autores, em entrevista recente ao jornal Folha de S.Paulo, explicaram que, apesar das opiniões que chegaram até eles, optaram por um desfecho coerente para a mocinha da trama.

Publicidade
Publicidade

E como é de conhecimento de todos, já que o final vazou, Eliza deve ficar com Jonatas.

Ao jornal Extra, Fábio Assunção argumentou que tanto Arthur quanto Eliza amadureceram ao longo do folhetim, pois, no início, ele somente queria vencer a aposta que fez com Carolina (Juliana Paes). Do outro lado, Eliza deixou de ser menina e transformou-se em mulher. Ao mesmo tempo, o veterano destacou que Marina e Felipe Simas têm química em cena.

Marina usou a mesma justificativa de Assunção, o crescimento de Eliza. Antes, a atriz julgava improvável que o público aceitasse a relação entre ela e o empresário, especialmente diante da união construída com Jonatas, das dificuldades que eles enfrentaram juntos nas ruas. Porém, ela argumentou que os autores Rosane Svartman e Paulo Halm também se esforçaram para que o entrosamento entre eles passasse verdade.

Publicidade

Já Felipe lamentou o fato de muitos fãs brigarem por conta dos personagens, avaliando que é necessário respeitar as opiniões diferentes. Destacou também não ter torcida, apesar de julgar que Jonatas merecia a felicidade de ficar com a ruiva por ser um cara bacana.

A Globo escalou o elenco da história para filmar cenas neste final de semana, deixando no ar a possibilidade de que o desfecho fosse regravado pois a autora não gostou do mesmo ter vazado na imprensa.  #Televisão