Engana-se quem pensa que apenas no Brasil as populações indígenas sofrem com decisões de grandes empresas. No Estados Unidos, uma medida extrema está deixando a Nação Sioux – Great Sioux Nation – temerosa com possíveis desastres ambientais que podem ocorrer nos próximos anos. 

Os indígenas temem que o projeto de um oleoduto chamado Dakota Access Pipeline, que deve atravessar quatro estados dos #EUA através do Rio Missouri para a transferência de petróleo de Dakota, Dakota do Sul, Iowa e Illinois, possa contaminar as águas. Vale ressaltar que o citado rio é um dos maiores recursos hídricos dos EUA, fornecendo água para milhões de pessoas, sejam elas Sioux ou não. 

Para conseguir parar tal projeto, a Nação Sioux deu início a campanha Rezpect Our Water através do Change.org e, para a surpresa de muitos, famosos de Hollywood mostraram apoio ao movimento. 

Astros que apoiam a Nação Sioux 

O primeiro a mostrar apoio a campanha foi Jason Momoa, astro de Batman vs Superman: A Origem da Justiça e Game of Thrones.

Publicidade
Publicidade

Em seu Instagram, ele postou uma foto segurando um cartaz onde destaque que “Oleodutos são uma má ideia”. 

Quem também mostrou apoio à causa foi Leonardo DiCaprio, vencedor do Oscar por sua atuação em O Regresso. Pelo Twitter, o ator postou: “Estou com a Grande Nação Sioux para proteger sua água e suas terras”.

Ray Fisher e Ezra Miller, que darão vida a Cyborg e Flash nos próximos filmes da Liga da Justiça, também mostraram apoio a campanha. Em um vídeo, os atores frisaram que estão ao lado dos Sioux, e se opõem a construção do oleoduto.

 

Mas quais os riscos que Dakota Access Pipeline pode trazer?

Apesar dos engenheiros da Army Corps, empresa que deve ficar responsável pela construção do oleoduto, afirmarem que sua é segura, índios Sioux afirmam que é recorrente e constante o número de vazamentos em outros oleodutos por todo país.

Publicidade

O principal medo dos Siouxs é que esse projeto, que prevê um oleoduto que irá atravessar 40 condados ao longo de quatro estados dos EUA, possam prejudicar a qualidade da água, causando degradação ambiental e trazendo prejuízos, não apenas financeiros, mas ambientais. A construção do oleoduto pode afetar a vida de peixes do Rio Missouri, mas também de pássaros e outros animais.

Além disso, a degradação também pode afetar a qualidade de vida de milhões de pessoas. Atualmente, o Missouri é uma das principais fontes de abastecimento de água dos EUA. A campanha que foi lançada por uma garota de 13 anos, chamada Anna Lee Rain YellowHammer, já conta com 80.743 assinaturas, de todo o mundo. #Famosos #Sustentabilidade