O #SBT parecer ter encontrado uma grande fonte de audiência e repercussão. A novela "#Abismo de Paixão", que veio para substituir "Teresa" na programação da emissora, já estreou com uma ótima audiência, 09 pontos na Grande São Paulo, e esse número continua se mantendo, o que mostra que o público soube receber bem a trama e se identificou com os personagens. Talvez um dos principais pontos do folhetim é a evolução de Angelique Boyer como atriz, que nem de longe parece a Vick, de Rebelde, e uma evolução notável em comparação a Teresa.

Redes sociais

Assim como na audiência, o desempenho de "Abismo de Paixão" em repercussão nas redes sociais também não poderia ser melhor.

Publicidade
Publicidade

As hashtags referentes aos capítulos no Twitter sempre ficam nos trending topics da rede social, fora os vários grupos e páginas de fãs da novela no Facebook. Existem páginas com quase 40 mil curtidas, e as hashtags da novela no Twitter ultrapassam as milhares de menções. São números verdadeiramente impressionantes para uma #Novela Mexicana.

Audiência

Na última sexta-feira, dia 20 de maio, "Abismo de Paixão" foi a novela mexicana mais assistida do dia na Grande São Paulo, alcançando a marca de 7,9 pontos de audiência. Neste mesmo dia, "A Mentira" ficou com 5,5 pontos, "Cuidado com o Anjo" marcou 7,1 e "Mar de Amor", teve com 7,6 pontos.

A média geral da trama, até o capítulo de sexta-feira, era de 8 pontos. Esse índice é considerado extraordinário pela direção do SBT, por se tratar de uma média que abrange todos os capítulos já exibidos, superando vários outros sucessos mexicanos da emissora, como Coração Indomável e Sortilégio.

Publicidade

A novela

"Abismo de Paixão" é uma novela mexicana produzida pela Televisa, em 2012, e exibida pelo Canal de Las Estrellas. A trama conta com várias estrelas no elenco como Angelique Boyer, David Zepeda, Sabrine Moussier e Blanca Guerra. No Brasil, o SBT decidiu mudar a trilha sonora da trama a fim de potencializar a audiência e criar uma identificação com o público. A música escolhida foi "Como um Suspiro", de Léo Nascimento.