A série Wayward Pines, exibida com sucesso em 2015, na programação da FOX, está de volta para a sua segunda temporada, que terá exibição simultânea no Brasil e nos Estados Unidos.

Primeira série de TV do diretor M. Night Shyamalan, responsável por filmes como "O Sexto Sentido", "Sinais", "A Vila", "Fim dos Tempos" e "Depois da Terra", dentre outros, a produção é inspirada na trilogia escrita por Blake Crouch.

Na história, o agente secreto Ethan Burke chega à pequena cidade de Wayward Pines, tendo o objetivo de encontrar dois colegas desaparecidos. Mas a cada passo que dá, se aproximando da verdade, o personagem interpretado pelo ator Matt Dillon fica mais distante da vida que conhecia.

Publicidade
Publicidade

Ele desconfia de que algo estranho está acontecendo na misteriosa cidade, e suas tentativas de entrar em contato com a esposa e a filha acabam sendo frustradas. E, para piorar, a cidade está protegida por cercas elétricas que impedem qualquer entrada ou saída.

Nova temporada dá sequência à trama 

A segunda temporada de Wayward Pines começa a partir dos acontecimentos do final do ano inaugural da produção, quando um estranho chega à cidade e se vê no meio de uma profunda rebelião, em que os moradores lutam para sobreviver e garantir a preservação da raça humana.

Na cidade, todos vivem sob o regime ditatorial da Primeira Geração, e durante uma rebelião, os controladores de Wayward Pines despertam o Dr. Theo Yedlin e sua esposa Rebecca (interpretados pelos atores Jason Patric e Nimrat Kaur, respectivamente).

Publicidade

Ele é colocado para trabalhar no hospital local, enquanto tenta entender a nova sociedade formada durante o tempo em que ficou em animação suspensa.

Wayward Pines no FOX1

A estreia da nova temporada de Wayward Pines está programada para o dia 25 de maio, à 0h30min, no FOX1, emissora que faz parte do pacote de canais premium da FOX, disponível em algumas operadoras.

O segundo ano da série tem 10 episódios, cada um deles com 60 minutos de duração, que serão exibidos simultaneamente com os EUA, sem intervalos comerciais. #Entretenimento #Televisão #Seriados